Entenda o motivo da troca de estúdio para a última temporada de Attack on Titan

Embora a última temporada do anime de Attack on Titan já esteja fazendo um enorme sucesso, antes da sua estreia muitos rumores começaram a circular sobre a produção, principalmente por conta da troca de estúdio, com o MAPPA entrando no lugar do Wit Studio, que animou as três temporadas anteriores.

Assim, quando essa notícia foi confirmada, muitos ficaram receosos sobre como essa mudança afetaria o anime, mas agora que já vimos que o MAPPA tem mantido a mesma qualidade do Wit e até melhorado em alguns aspectos, muitos fãs podem ficar em dúvida sobre o que exatamente motivou essa troca de estúdio.

A resposta mais completa para esse questionamento se encontra em uma entrevista de outubro do ano passado feita pela revista Newtype, com os produtores Kensuke Tateishi, Toshihiro Maeda e Tetsuya Kinoshita, em que eles falam um pouco sobre a mudança de estúdio e na confiança que possuem no MAPPA (via ANN).

Inicialmente, Tateishi esclarece que a decisão da troca de estúdio foi um pedido que partiu do próprio Wit Studio, ainda quando estavam no processo de produção da 3ª temporada, que podemos imaginar ser em meados de 2017, já que a temporada estreou em 2018.

“Enquanto a 3ª temporada estava em produção, consultamos o Wit Studio e foi decidido que a Temporada Final seria desenvolvida por um estúdio de produção diferente. Como criadores, queríamos que o anime ficasse cada vez maior. Através de muitas conversas com o Wit Studio, entendemos que a continuação seria difícil, por isso procuramos um novo estúdio.”

Nesse ponto, vale esclarecer ainda que embora mais detalhes não tenham sido compartilhados, sabemos que o Wit é um estúdio de médio porte, e como os eventos da história de Shingeki se tornam ainda mais grandiosos, é compreensível que o estúdio enfrentasse alguns problema para entregar a última temporada no mesmo padrão de qualidade e dentro do cronograma.

Na verdade, após Tateishi falar que dezenas de estúdios recusaram assumir o anime, Maeda complementa que o cronograma foi o principal empecilho: “Claro, também houve aqueles [estúdios] que desejavam fazer, mas simplesmente não conseguiam encaixar no seu cronograma”.

“O único estúdio que disse que consideraria foi o MAPPA. Quando falamos com o WIT sobre isso, eles disseram que poderiam ficar tranquilos sabendo que o anime estava nas mãos do MAPPA. Os produtores estavam de acordo, então a produção mudou para o MAPPA.”, afirma Tateishi.

Ou seja, não só foi o próprio Wit que pediu a troca, como eles ainda aprovaram a escolha do MAPPA, deixando evidente que não houve nenhuma mudança forçada ou conflito entre os estúdios.

Confira também outras notícias de Attack on Titan:

Você pode assistir oficialmente as quatro temporadas de Attack on Titan com legendas em português através da Crunchyroll.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

João Victor Albuquerque

Apaixonado por joguinhos, filmes, animes e séries, mas sempre atrasado com todos eles.

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade