Afinal, por que Jiren não eliminou Goku no começo do Torneio do Poder de Dragon Ball Super?

O arco do Torneio do Poder foi um dos mais empolgantes de toda história de Dragon Ball. O embate entre Jiren e Goku foi recheado de momentos emocionantes, co, Goku alcançando um novo nível de poder e tudo mais que as lutas mais marcantes da série tem direito.

Mas afinal, por que Jiren eliminou Goku logo no início do Torneio do Poder e acabou com o problema de uma vez?

Jiren não eliminou Goku logo no início do Torneio do Poder porque sequer fazia ideia do potencial de Goku naquele momento. Goku só passou a representar uma ameaça à Jiren quando finalmente atingiu o nível perfeito do Instinto Superior, e portanto, não precisava receber “atenção especial” por parte de Jiren.

Lembrando que Jiren também não teria motivos específicos para eliminar Goku, a não ser que ele representasse uma ameaça a seu universo, algo que não podia ser verificado no início do Torneio do Poder.

Confira também:

Dragon Ball Super encontra-se em hiato no momento. O anime encerrou em março de 2018 com o fim do Torneio do Poder.

Atualmente, a história continua no mangá, além do filme Dragon Ball Super: Broly lançado no começo do ano e também de um novo filme que está em estágio inicial de produção pela Toei.

Nesta nova fase, Goku e Vegeta estão enfrentando um inimigo milenar e poderosíssimo: Moro, o consumidor de planetas, uma ameaça que pode muito bem acabar com o Universo 7 num piscar de olhos.

O anime pode ser acompanhado na íntegra no Crunchyroll, no seu idioma original com legendas em português.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

João Víctor Sartor

João Víctor Balestrin Sartor é colaborador e sex-symbol do Critical Hits. Admirador das boas histórias, almeja de verdade escrever um livro algum dia. Divide seu tempo entre à leitura, jogatina, trabalho, engenharia e quando sobra tempo, vive.