Star Wars: A Ascensão Skywalker recebe nota negativa no Rotten Tomatoes

Star Wars: A Ascensão Skywalker é provavelmente o filme mais aguardado do ano, e de acordo com o Rotten Tomatoes, os fãs vão acabar se decepcionando com ele, já que o filme estreou com uma nota negativa no agregador de análises.

De acordo com o site, apenas 56% das publicações recomendam o filme, o que acaba dando à obra uma certificação “rotten” ou seja, não recomendada.

“Star Wars: A Ascensão Skywalker sofre de uma falta de criatividade frustrante, mas conclui a saga amada por tantos fãs com uma devoção focada neles”, diz uma das críticas.

De acordo com vários outros críticos, parece que o filme tenta trabalhar ideias demais em um curto espaço de tempo, e que parecem mais dois ou até três filmes comprimidos em apenas um, e assim o desenvolvimento acaba sofrendo.

Até aqui, A Star Wars: Ascensão Skywalker é a terceira pior nota do Rotten Tomatoes na franquia de George Lucas com 56% de notas positivas, sendo A Ameaça Fantasma o pior filme, com 51% e Clone Wars com apenas 18% em último lugar.

Já no site Metacritic, o filme conta com uma média de 54, com 14 análises positivas, 26 análises com pontos positivos e negativos e 2 análises negativas.

Em Star Wars: Rise of the Skywalker, a batalha final entre Rey e os Rebeldes e Kylo Ren e a Primeira Ordem.

O filme é estrelado por Daisy Ridley (Rey), John Boyega (Finn), Oscar Isaac (Poe Dameron), Adam Driver (Kylo Ren), Mark Hamill (Luke) e Carrie Fisher (Leia) e conta com 142 minutos de duração.

A Ascensão Skywalker estreia nos cinemas no dia 19 de dezembro no Brasil e Portugal e no dia 20 de dezembro nos Estados Unidos.

Eric Arraché

Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade