Categorias: AnimeGames

Pokémon – 10 coisas que você não sabia que os líderes de ginásio podem fazer

Estamos acostumados com a dinâmica dos líderes de ginásio em Pokémon, mas provavelmente você não sabe da metade das coisas que eles podem fazer – até porque raramente eles fazem.

Todos sabemos que para se tornar um campeão da liga Pokémon é necessário passar pelos líderes de ginásio. Os líderes de ginásio trazem uma imagem de experiência e habilidade, apesar de usarem estratégias um tanto questionáveis.

O fato é que, por algum motivo, raramente os líderes de ginásio colocam em prática tudo o que podem fazer.

Além disso, existem alguns fatos que mostram que ser líder de ginásio é uma tarefa bastante difícil – tanto do lado financeiro, quanto da questão da responsabilidade de estar envolvido no processo de formação de novos treinadores.

Nesta lista, separamos 10 fatos interessantes sobre estas figuras únicas no universo Pokémon.

1. Usar um time diferente de Pokémon

Na maior parte dos jogos e no anime, os líderes de ginásio dão a impressão de estarem estagnados no tempo. Tanto seu time, quanto o nível de habilidade dos seus Pokémon, se mantém iguais – não importa quanto tempo passe.

Em uma cena em Pokémon Origins, Brock escolhe especificamente Geodude e Onix para batalhar contra Red, mesmo tendo a sua disposição um time inteiro. O motivo de Brock ter aliviado para Red é pelo fato de o protagonista não ter conquistado nenhuma insígnia. Isso quer dizer que se você desafiar os líderes de ginásio na ordem errada, pode se dar bastante mal.

2. Participar da Liga Pokémon

Os líderes de ginásio podem usar toda sua experiência e habilidade para participar da Liga Pokémon. Apesar disso, apenas uma vez isso foi retratado.

Em Pokémon Emerald, o ex-líder de ginásio de Sootopolis, Wallace, se torna o novo campeão da Liga Pokémon. Após derrotar o campeão Steven, Wallace se torna basicamente uma celebridade, visto que tambem é vencedor dos Contest Masters de Hoenn.

3. Usar Pokémon de mais de um tipo

Para quem tem um pouco de experiência na série, fica bastante evidente que usar um só tipo de Pokémon é uma estratégia bastante complicada e questionável.

Apesar disso, aparentemente os líderes de ginásio esqueceram desse detalhe e resolveram ter a brilhante ideia de usar um só tipo.

O problema disso? Imaginem ser treinador de Pokémon do tipo gelo que apresenta fraqueza contra ataques de fogo, lutador, metálicos e pedra. É uma estratégia bem problemática usar um só tipo de Pokémon.

No entanto, existem algumas exceções, tais como Blue em Pokémon Gold, Silver e Crystal e Volkner em Pokemon Diamond and Pearl.

Tirando estes poucos exemplos, apenas os desafiantes e os campeões da Liga Pokémon parecem buscar uma variabilidade em seu time.

4. Ter um emprego normal em paralelo

Na primeira temporada de Pokémon, Brock e Misty explicam a Ash que a vida de um líder de ginásio não é tão glamourosa quanto parece à primeira vista.

Não há salário por manter a posição e nenhuma assistência financeira do governo ou da Liga Pokémon.

Por causa disso, o pai de Brock e as irmãs de Misty decidem abandonar a posição em um momento ou outro, embora essa falta de financiamento não pareça ser um problema para qualquer outro líder de ginásio da série.

Existem alguns que usam seu ginásiopara pôr em prática projetos em que gostem de trabalhar, mas o que parece é que ninguém trabalha de maneira normal, apesar de não ser pago pelo serviço de desafiar treinadores para a Liga Pokémon.

5. Lutar contra organizações criminosas

Sendo considerados os melhores treinadores de sua região, alguém poderia pensar que os líderes de ginásio estariam melhor preparados para o trabalho do que um novato que acabou de partir em sua jornada.

No entanto, eles têm muito pouco envolvimento quando se trata de crimes locais, coisas que acontecem constantemente no mundo Pokémon.Mesmo que o Team Rocket tenha invadido a cidade de Mogno,

Price não fez absolutamente nada para impedi-los de fazer com que os Gyarados se enfurecessem através do Lago da Fúria. Em vez disso, ele deixou o jogador e Lance para resolver o que ele poderia ter feito esse tempo todo.

Whitney fez o mesmo com Goldenrod City depois que o Team Rocket assumiu a Torre de Rádio.

O que parece é que os líderes de ginásio querem mesmo é curtir a vida deles e evitar maiores problemas – até porque ninguém paga para eles serem líderes.

6. Usar Pokémon do tipo Dark

O tipo dark foi introduzido em Pokémon Gold & Silver como uma maneira de balancear o jogo, visto que os Pokémon do tipo psíquico eram absurdamente poderosos.

No entanto, ao contrário do tipo Steel, que também foi introduzido pelo mesmo motivo, o tipo Dark não teve seu ginásio até Pokémon Sword & Shield – mais de vinte anos depois.

Mesmo assim, Piers, o irmão mais velho de Marnie e o “mestre” do tipo Dark, recusou-se de usar Dynamax em seus Pokémon, que foi introduzido na Geração VIII.

Dessa forma, em comparação aos outros líderes de ginásio, Piers tornou sua batalha muito mais fácil, visto que todos eles utilizaram Dynamax em seus Pokémon.

Isso foi corrigido quando Marnie assumiu a posição e usa um Gigantamax Grimmsnarl em suas batalhas.

7. Usar um time completo com 6 Pokémon

Mesmo que os líderes de ginásio escolham seu grupo, dependendo do nível de habilidade do desafiante, há muito poucos casos em que eles usam uma equipe completa de seis Pokémon.

No decorrer da jornada, os treinadores acabam se deparando com líderes de ginásio com times maiores.

Este limite é um pouco retificado no anime, pois é declarado no início da batalha que ambos os treinadores usarão a mesma quantidade de Pokémon cada, tornando-o muito mais uma luta justa para ambos os envolvidos.

No que diz respeito aos jogos, o único líder de ginásio que usa seis Pokémon é Blue, que assume o cargo de Giovanni e faz um trabalho significativamente melhor ao desafiar o jogador.

8. Usar ataques fortes e da forma certa

Como dito anteriormente, líderes de ginásio são considerados treinadores experientes. Apesar disso, por alguma razão a maior parte deles acaba usando estratégias um tanto duvidosas e ataques sem sentido.

Há algumas exceções, como Fantina em Pokémon Platinum com seu poderoso Mismagius e Whitney em Gold and Silver com sua irritante Miltank.

Embora faça sentido desde o início, como os jogadores não têm acesso aos mesmos ataques poderosos, o anime parece ignorar isso completamente.

O anime dá ativamente a ambos os lados ataques poderosos muito mais cedo do que deveriam, embora os conjuntos de ataques também sejam geralmente piores do que poderiam ser usados como nos jogos.

9. Usar Hold Items em seus Pokémon

Uma das maiores novidades que surgiram em Pokémon Gold & Silver foi a adição de itens que dão certas habilidades e vantagens aos Pokémon.

Embora muitos líderes de ginásio usem Sitrus/Lum Berry em seus Pokémon, aparentemente eles esqueceram da infinidade de itens que poderiam usar, como Leftovers e Choice Band, por exemplo.

Os únicos líderes que usaram ítens de forma estratégica foram os líderes de Kalos, mega-evoluindo seus Pokémon com Mega Stones.

10. Serem de fato um desafio aos treinadores

Os líderes de ginásio devem representar o próximo grande desafio para um treinador de Pokémon, um teste para ver se eles estão prontos para avançar em sua jornada.

A combinação da maioria das coisas mencionadas acima resulta em ser mais um incômodo do que um desafio, principalmente pelo fato de eles não usarem todo seu potencial.

Isso não é um problema no anime, já que os líderes de ginásio tendem a ser mais desafiadores, mesmo para Pokémon e treinadores mais experientes.

Quando se trata dos jogos de Pokémon, eles tendem a deixar de ser um verdadeiro desafio, na maioria das vezes.

E então, você sabia de todas essas curiosidade sobre os líderes de ginásio de Pokémon?

Não esqueça de compartilhar este post e deixar nos comentários alguma curiosidade que você saiba sobre os líderes de ginásio de Pokémon!

Este website utiliza cookies