Este é um detalhe sombrio em Naruto completamente ignorado pelos fãs

Naruto Shippuden possui um dos enredos mais bem concisos que se tem conhecimento. A história pode até apresentar algumas falhas, mas ainda assim é impressionante que Masashi Kishimoto tenha conseguido criar uma história tão densa e manter a qualidade por tanto tempo, mesmo sempre atolado de trabalho.

Porém, existem também alguns detalhes da trama que passam completamente desapercebidos pelos fãs. E hoje vamos tratar de um assunto que não é tão mencionado como deveria quando o assunto é Naruto Shippuden:

O trauma dos jinchuurikis.

Não teve um deles sequer que não tenha tido uma infância traumática ou evento que possa ser considerado, no mínimo, inaceitável do ponto de vista social. Killer B por exemplo, apesar de ter tornado-se um adulto gente boa e muito bem resolvido com sua próprio biju – sendo considerado portanto, um jinchuriki perfeito – passou a ser evitado por algumas pessoas tão logo assumiu a responsabilidade de carregar a Besta de Oito Caudas dentro de si.

O fato não é necessariamente a discriminação que os jinchurikis tinham de encarar, mas a forma como a série da a impressão de que em alguns casos, ela era até mesmo incentivada pela liderança de algumas vilas. A série jamais confirmou esta informação, mas em alguns casos, deu a entender que a rejeição por parte da vila era visto como uma das maneiras de manifestar o poder da besta de cauda, através do jinchuriki.

As próprias Bestas de Cauda que eram tão prezadas pelas Vilas Ocultas, eram tratadas somente como armas de destruição em massa, não ganhando o mínimo de respeito sequer mesmo trando-se de seres vivos. Ainda assim, o que mais pesa na série é o fato de vermos os jinchurikis sofrerem tanto com a discriminação ainda crianças, como é mostrado no caso de Gaara e Naruto, por exemplo.

Ou seja, podemos dizer que se Masashi Kishimoto tentou utilizar as Bestas de Cauda como uma espécie de alegoria às armas de destruição em massa, talvez a forma como a população trata os jinchuriki faça menção ao egoísmo e a falta de humanidade daqueles que estão por trás da manipulação de artefatos tão perigosos e potencialmente destrutivos.

Confira também:

Naruto Shippuden foi exibido entre os anos de 2007 e 2017 e contando a segunda fase do anime. Nela, Naruto retorna após dois anos de treinamento com a missão de combater a Akatsuki e então resgatar Sasuke das garras de Orochimaru.

Ao todo, o anime tem 500 episódios (incluindo os fillers de Naruto Shippuden), e finaliza a história de Naruto, Sasuke, Sakura e Kakashi. Além disso, o anime preparao terreno para a continuação direta da história.

Você pode acompanhar Naruto na íntegra no Crunchyroll. Além dele, o serviço conta com com Naruto clássico e Boruto: Naruto Next Generations, sua continuação direta.

Acesse o site por este link e então ganhe 14 dias de premium gratuitos em uma nova conta.

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade