Anime

Afinal, por qual motivo o anime de Dragon Ball Super ainda continua em hiato?

Não é exagero dizer que desde a exibição de Dragon Ball Z e Dragon Ball GT a franquia de Akira Toriyama nunca esteve em um momento tão popular como agora. Durante muito anos Dragon Ball ficou em um verdadeira limbo, com um enorme espaçamento entre os seus filmes e apenas o universo não canônico continuava sendo expandido.

No entanto, tudo mudou com a chegada do mangá de Dragon Ball Super e posteriormente da sua adaptação em anime. Embora os seus primeiros arcos não tenham sido lá muito chamativos, aos poucos a obra foi ficando cada vez mais interessantes, explorando os conceitos de multiverso, apresentando novos vilões icônicos e finalmente culminando no inesquecível arco do Torneio do Poder.

Assim, o anime de Dragon Ball Super entrou em hiato com uma popularidade enorme, que ainda se manteve por bastante tempo principalmente por causa do lançamento de Dragon Ball Super: Broly e de jogos como o recente Dragon Ball Z: Kakarot. Mas agora em março o anime completará 2 anos do início do seu hiato, e ainda não temos qualquer previsão de quando ele irá retorna.

O principal motivo para essa demora é simplesmente por causa da periodicidade do seu mangá, que é lançado de forma mensal. Assim, após o Torneio do Poder, o mangá de Dragon Ball Super nem mesmo finalizou o seu arco posterior, que tem sido um dos mais interessantes da obra. Dessa forma, por mais triste que possa ser para muitos fãs, retornar o anime agora poderia só prejudicar a franquia.

Como a adaptação estaria muito próxima dos eventos do mangá, provavelmente teríamos diversos episódios fillers para tentar criar o maior distanciamento possível, e mesmo assim a história eventualmente não poderia avançar mais pela falta do material original. Isso acabaria gerando arco inteiros de fillers que provavelmente não agradariam os fãs.

Se você costuma acompanhar Boruto já deve ter bastante conhecimento sobre essa situação, e a única forma “viável” de resolvê-la seria aumentando a frequência do mangá, assim como acontecer com One Piece, onde o seu anime e mangá já estão no mesmo arco. Até mesmo obras como My Hero Academia, que possui lançamento semanal, optam por dividir o anime em temporadas para melhorar a qualidade da animação.

O anime de Dragon Ball Super atualmente ainda está em hiato, enquanto o mangá continua avançando normalmente no arco do Prisioneiro da Patrulha Galáctica, que se passa após os eventos do filme Dragon Ball Super: Broly, acompanhando Vegeta e Goku tendo que lidar com o poderoso vilão Moro.

O anime pode ser assistido na íntegra no Crunchyroll, no seu idioma original com legendas em português.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade