Fã de Dragon Ball Super decodifica o idioma dos deuses falado por Whis

Desde quando Dragon Ball Super apresentou o conceito de multiversos e das diversas divindades, a franquia tem deixado cada vez mais segredos espalhados pela obra, e um deles que ainda intrigava os fãs é sobre o misterioso idioma divino falado por Whis.

No entanto, recentemente um usuário do Twiter conhecido como Herms98 compartilhou a decodificação desse idioma, que aparece pela primeira vez no mangá durante a Saga Champa, quando Whis está pedindo para o Super Shenlong restaurar à Terra do Universo 6.

“No mangá de Dragon Ball Super, ‘o idioma dos deuses’ falado por Whis para usar as Super Esferas do Dragão após o torneio do Universo 6 é apenas japonês, deslocando uma letra para baixo no alfabeto katakana.”

“Quando o Super Shenlong fala o idioma dos deuses durante esta pagina intersticial posterior, a mensagem é simplesmente japonês ao contrário, utilizando o mesmo truque do anime, com a tradução entre parênteses”.

Caso tenha ficado um pouco difícil de entender, na fala de Whis ele apenas desloca uma letra de todas as palavras. No exemplo utilizado pelo usuário, a frase “And so, grant my wish”, seria “Boe tp, hsbou nz xjti” já que todas as palavras tiveram uma letra colocada na casa da frente.

Já na fala do Super Shenlong seria simplesmente colocar as letras na ordem inversa, assim, a frase “As you wish, I’ve swapped Zamasu and Monaka’s bodies.”, ficaria “Seidob Sakanom dna Usamaz deppaws Evi hsiw uoy sa.”

Enquanto o anime de Dragon Ball Super está em hiato desde março de 2018, o mangá continua avançando normalmente no arco do Prisioneiro da Patrulha Galáctica, que apresentou o poderoso vilão Moro, capaz de drenar a energia vital de qualquer se vivo.

O anime pode ser assistido na íntegra no Crunchyroll, no seu idioma original com legendas em português.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

João Victor Albuquerque

Formado em Sistemas de Informação, que no final da faculdade resolveu se meter nesse mundo do jornalismo. Apaixonado por joguinhos, filmes, animes e sempre atrasado com as séries.

Este website utiliza cookies