Categorias: Anime

Afinal, o Kotoatsumaki funcionaria em Sasuke em Naruto Shippuden?

O Kotoatsumaki foi uma das técnicas mais cobiçadas em Naruto Shippuden. Originalmente capaz de ser conjurada através dos olhos de Shisui Uchiha, acabou sendo um dos maiores desejos de Danzo Shimura ao longo de sua vida, e acabou nas mãos de Itachi Uchiha, que a utilizou para negar o controle de Kabuto, quando reencarnado por ele durante o arco da Grande Guerra Ninja.

Por ser uma técnica tão poderosa, é natural imaginar que ela poderia aprisionar qualquer um em um loop de experiências falsas, livrando-o de sua própria vontade. Mas será mesmo que o Kotoatsumaki poderia afetar Sasuke quando adulto?

Provavelmente não, mas para isso Sasuke teria de perceber que estaria entrando em um Genjutsu. Sasuke foi capaz de resistir ao Tsukuyomi Infinito de Madara, basicamente por possuir o Rinnegan. Não existe um motivo claro para isso na série, mas ao que tudo indica, o Rinnegan não sofre nenhum efeito deste tipo de genjutsu. Sendo assim, podemos dizer que Sasuke pode sim resistir ao Kotoatsumaki e interromper seu efeito, desde que não seja capturado pelo loop de eventos falsos sem nem ao mesmo perceber.

A diferença de Sasuke e de outro ninja qualquer, é que, qualquer outro shinobi, mesmo percebendo que esta preso em um genjutsu, jamais seria capaz de liberar-se do efeito do Kotoatsumaki.

Confira também:

Naruto Shippuden foi exibido entre os anos de 2007 e 2017, contando a segunda fase do anime. Nela, Naruto retorna após dois anos de treinamento com a missão de combater a Akatsuki e resgatar Sasuke das garras de Orochimaru.

Ao todo, o anime conta com 500 episódios (incluindo os fillers de Naruto Shippuden), finalizando a história de Naruto, Sasuke, Sakura e Kakashi e preparando o terreno para a continuação direta da história.

O anime pode ser acompanhado na íntegra no Crunchyroll, juntamente com Naruto clássico e Boruto: Naruto Next Generations, sua continuação direta.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

Este website utiliza cookies