InícioAnimeMetro Labyrinth é o novo mangá que combina o melhor de Naruto...

Metro Labyrinth é o novo mangá que combina o melhor de Naruto e Detetive Pikachu

Um novo mangá tem chamado atenção no Japão devido a peculiaridade de seu enredo e principalmente de seus personagens. Metro Labyrinth tem sido considerado frequentemente, uma mistura entre Naruto e Detetive Pikachu, por mais estranho que isso possa parecer.

Metro Labyrinth apresenta uma criatura esquisita chamada Tamiko, que assim como o Pikachu do filme é capaz de falar e interagir com seu companheiro humano, Shuu Abe. Os dois acabam formando uma dupla bem improvável após Shuu dormir demais e acordar num mundo completamente devastado e pós apocalíptico.

A principal similaridade entre Metro Labyrinth e Detetive Pikachu são as personalidades entre Tamiko e Pikachu. Ambos tem a boca suja, perdem a paciência com uma certa facilidade, servem de guia para o companheiro humano e gostam de um carinho na barriga – quem não gosta.

Ok, mas e a similaridade com Naruto?

Acontece que Shuu tem uma habilidade que é bem parecida com a de Kimimaru, lá da fase clássica de Naruto. Assim como o vilão, Shuu é capaz de transformar partes de seu corpo em armas letais, mas com algumas ligeiras diferenças.

Ao invés de poder controlar e afiar os ossos de seu corpo, Shuu tem a capacidade de utilizar uma espécie de fungo que vive dentro de seu corpo, para conjutar algumas armas especiais. Até o momento, ele só foi capaz de utilizar uma espada. Mesmo assim, isso já é bem impressionante.

Metro Labyrinth tem bastante potencial, mas tudo vai depender de como os próximos capítulos da série serão recebidos lá fora. Vamos torcer para que a série continua se mantendo relevante e interessante, poir por enquanto tudo leva a crer que ela realmente promete.

Confira também:

 

 

João Víctor Sartor
João Víctor Sartorhttp://criticalhits.com.br
João Víctor Sartor é colaborador e sex-symbol do Critical Hits. Admirador das boas histórias, almeja de verdade escrever um livro algum dia. Divide seu tempo entre à leitura, jogatina, trabalho, engenharia e quando sobra tempo, vive.