Dragon Ball Z é um dos animes lendários da história do Japão, e eu não sei vocês, mas a minha saga favorita da obra de Akira Toriyama é a Saga de Cell e dos Androides.

Você sabia que ela era para ser completamente diferente do que acabou sendo?

Hoje, contamos essa história.

Atenção: falaremos sobre spoilers de Dragon Ball Z abaixo. Você foi avisado!

Quando a saga dos Androides foi planejada inicialmente por Akira Toriyama, os Androides 17 e 18 não haviam sido incluídos nesta história.

Na verdade, a saga era para focar-se tanto no Androide 19 quanto no Androide 20, ou seja, no cara gordo branco e no Doutor Gero, os primeiros dois Androides que Goku e companhia enfrentaram.

O problema foi que os editores de Akira Toriyama não gostaram dessa ideia inicialmente, já que esses vilões não eram “legais” o suficiente.

Por causa disso, Toriyama decidiu manter esses dois inimigos iniciais da saga, mas adicionou os Androides 17 e 18 à história, como os causadores do fim da civilização na era de Trunks.

Agora você consegue imaginar como a Saga dos Androides seria completamente sem graça se fosse apenas com os Androides 19 e 20? Pois é, que bom que os editores do Toriyama Sensei insistiram que a saga podia ter mais alguns vilões, não é verdade?

Gostou do post? Curta nossa página no Facebook e receba todas as nossas últimas novidades!

Gostou? Compartilhe!


Você já ouviu o Critical Cast dessa semana?


Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.