Anime

5 Coisas que fizeram a quarta temporada de Castlevania ter um final perfeito

Castlevania chegou ao fim de sua quarta temporada, e o final teve muitas coisas interessantes, hoje vamos falar 5 coisas que foram ótimas para o final e fez ele se tornar perfeito.

5 Coisas que fizeram a quarta temporada de Castlevania ter um final perfeito

Confira abaixo:

A coreografia de animação e lutas foram surpreendentes

O Castlevania da Netflix foi considerado um grande sucesso porque há tanta arte e design que são colocados no visual da série animada. Castlevania está lindo desde a sua estreia, mas esta temporada final está se superando e aumenta a qualidade da animação e das sequências de batalha em todos os aspectos.

Armas de assinatura

Castlevania é uma série que adquire muito amor por seus personagens principais e seus monstros característicos, mas também é uma franquia onde há quase o mesmo amor pelas armas icônicas. As três temporadas anteriores de Castlevania apresentam armas e peças de armadura satisfatórias da tradição dos jogos, como o chicote de marca registrada de Trevor ou o escudo da Sinfonia da Noite de Alucard. A última temporada de Castlevania finalmente equipa Trevor com a exagerada Ruler Sword e é incrível vê-la em ação. Esses episódios finais não perdem a oportunidade de cumprir esses detalhes finais de arma e artilharia.

Romance e trabalho em equipe de Trevor e Sypha

Castlevania é antes de mais nada uma série de ação com influências de terror gótico, que é sempre surpreendente quando o excelente senso de humor da série se apresenta. Grande parte da comédia da série vem do trabalho de equipe parecido com Odd Couple entre Trevor e Sypha. Os dois passam por toda uma gama de emoções nesta temporada final, mas os dois estão finalmente dispostos a abraçar seus sentimentos um pelo outro e levar as coisas para o próximo nível. Castlevania é uma série que absolutamente não precisa de romance, mas essa relação se desenvolve tão naturalmente e se torna o coração dos episódios finais.

A morte é quem puxa as cordas por trás do renascimento do Drácula

O principal antagonista durante as duas primeiras temporadas de Castlevania é ninguém menos que Drácula, mas as duas temporadas finais exploram a luta pela supremacia que começou durante sua ausência. Varney é novo na última temporada de Castlevania e desempenha um papel vital na ressurreição de Drácula. É revelado que Varney é apenas um disfarce para a verdadeira identidade do vilão, Death. Essa reviravolta é profundamente satisfatória e faz sentido, tanto no escopo da série animada quanto nos videogames. A luta final entre Trevor e Death está entre os melhores da série e os fãs de longa data vão apreciar a estreia deste vilão.

O potencial de construção e expansão do mundo

Quatro temporadas não é um prazo excepcionalmente longo para uma série de televisão, mas Castlevania conta com confiança uma história completa neste momento e fecha o livro neste final de temporada. Há um encerramento previsto para muitos personagens, mas muitos tópicos são deixados pendurados e já houve discussão sobre uma continuação ou spin-off para o universo Castlevania, embora com novos personagens e durante um período de tempo diferente.

Confira também:

Publicado por
Tags: Castlevania

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade