Control – Como melhorar Armas e Mods

Control foi o lançamento da Remedy Entertainment em 2019. Assim como jogos anteriores, o projeto possui grande ênfase em questões metafísicas, bem como uma noção científica mais do que aflorada. No entanto, diferente de títulos como Alan Wake e até mesmo Quantum Break, Control serviu para estabelecer o “Remedyverso” no mundo dos games. Desta forma, outros jogos desenvolvidos pelo estúdio possuem singelas conexões com artefatos de grande poder.

O vídeo abaixo pode introduzi-lo a história do game.

 

Ao longo de sua jornada no papel de Jesse Faden, cabe ao jogador explorar os mistérios pertinentes ao Bureau de Controle (também citado como FBC). Durante esse trajeto, Jesse se torna capaz de utilizar poderes diversos, bem como armas que podem ser customizadas para maximizar seu dano e atributos derivados. Ao explorar a Casa Antiga, a protagonista acumula recursos que servem para melhorar e até mesmo desenvolver novas capacidades para a arma peculiar que utilizamos.

Afim de melhorar sua arma e aplicar modificações, é necessário que o jogador esteja em um ponto de controle purificado. Liberando pontos de controle, são disponibilizadas algumas opções para os jogadores, e entre elas, é possível escolher entre melhorias para a arma e a implementação de modificações derivadas. Neste caso, basta acessar o menu de Construções Astrais e vasculhar quais opções serão benéficas para o decorrer da campanha.

As melhorias estão disponíveis em diversas formas, seja por meio da Arma de Serviço ou mesmo as modificações que o jogador acumular. No fim das contas, cabe a você mesmo definir quais serão os equipamentos que Jesse utilizará, de acordo com seu próprio estilo de jogo.

Por fim, Control já está disponível para Xbox One, PS4 e PC’s. Atualmente, a DLC The Foundation já pode ser adquirida, e por enquanto, estamos à espera de novidades sobre o misterioso conteúdo AWE que está a caminho. Não esqueça de conferir outras dicas sobre o game em nosso site.

Guru

Guru é o cara que não sabe falar sobre outra coisa além de jogos e consoles. Ansioso pela nova geração, ele sonha ininterruptamente com o retorno de God Hand, Viewtiful Joe, Captain Comando e outros clássicos de porradinha sem freio. Possui um histórico considerável de vazamentos, rumores e teorias sem sentido que geram uma boa discussão.