Categorias: Games

Afinal, porque Beerus não destruiu o planeta dos Saiyajins antes de Freeza em Dragon Ball Z?

Uma das coisas que mais são incômodas em Dragon Ball Super é a necessidade de recontar eventos que já aconteceram num passado distante, mas que nunca foram mencionadas em Dragon Ball Z – apesar de serem relevantes.

Exemplo é o fato de Vegeta e Freeza conhecerem retroativamente a existência de Beerus. Não há nenhuma menção a existência de Deuses da Destruição antes da Batalha dos Deuses, mas em Super ficamos sabendo que não só eles todos se conheciam de alguma forma, como Beerus já havia interagido com o Rei e o Príncipe Vegeta pessoalmente.

Nesse evento, Beerus achou os Saiyajins rudes e brutos, além de ter ficado completamente irado pelo fato do Rei Vegeta utilizar os melhores travesseiros e almofadas, enquanto ele teve “apenas” o segundo melhor.

Porém, esse mesmo Beerus que estava topando destruir a Terra por motivos muito menos válidos, não foi o responsável por destruir o planeta Vegeta, optando por deixar essa tarefa nas mãos do ditador Freeza.

Sabemos que essa decisão se deu ao fato de sabermos que foi Freeza quem destruiu os Saiyajins desde Dragon Ball Z, mas dentro do Universo de Dragon Ball a única justificativa seria que Beerus é extremamente preguiçoso, além de gostar de mandar os outros fazerem tarefas para ele apenas para mostrar sua dominância sobre os mortais.

Dragon Ball Super encontra-se em hiato no momento. O anime encerrou em março de 2018 com o fim do Torneio do Poder.

Atualmente, a história continua no mangá, além do filme Dragon Ball Super: Broly lançado no começo do ano e também de um novo filme que está em estágio inicial de produção pela Toei.

O anime pode ser acompanhado na íntegra no Crunchyroll, no seu idioma original com legendas em português.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

 

Este website utiliza cookies