Subscribe for notification

Um dos maiores problemas de Game of Thrones ocorreu por causa das mudanças feitas nos Lobos Gigantes

Para que Game of Thrones tive sucesso em adaptar As Crônicas de Gelo e Fogo, os showrunners David Benioff e D.B. Weiss tiveram que sacrificar diversos elementos importantes da obra de George R.R. Martin, fazendo a história ficar mais dinâmica e em um formato que funcionasse melhor para a TV.

No entanto, embora alguns momentos tenham conseguido amplificar o sentimento dos livros, como foi o caso do Casamento Vermelho, outras características essenciais da obra acabaram sendo esquecidas, e talvez uma das que mais fez falta foi justamente o desenvolvimento dos Lobos Gigantes.

Os Lobos Gigantes aparecem literalmente no primeiro e no último episódio da série, só que nas duas temporadas finais eles acabaram ficando bem esquecidos, principalmente por causa do alto valor e dificuldade em produzir o seu CGI, que eram mais trabalhosos que os dos dragões, por causa da sua semelhança com uma criatura do mundo real. Mas ao observarmos o desfecho de Game of Thrones, fica claro que essa é uma história centrada nos Starks e os Lobos Gigantes têm uma ligação fundamental com os membros dessa família.

O Vento Cinzento, por exemplo, lutou ao lado de Robb Stark quando ele era Rei do Norte, enquanto a selvageria do Cão Felpudo refletia toda a personalidade de Rickon Stark. As próprias habilidades de Bran como warg foram notadas pela primeira vez quando ele conseguia enxergar com os olhos do Verão.

A arco de Nymeria com Arya também acaba sendo bem mais desenvolvido nos livros, já que além de representar o seu lado indomável, Nymeria é a ligação da garota com a sua família e parte da sua verdadeira identidade. Durante o seu período em Braavos, Arya constantemente sonha com Nymeria, como se o seu subconsciente estivesse sempre tentando resgatar quem ela verdadeiramente é.

Por fim, o Fantasma é um reflexo perfeito de Jon Snow, com ambos sendo verdadeiros “estranhos no ninho”. Desde a sua saída de Winterfell, Fantasma sempre esteve fielmente ao lado de Jon, e por isso é estranho perceber na série que em grandes momentos como a Batalha dos Bastardos ou Hardhome ele simplesmente foi deixado de lado.

Embora seja entendível as dificuldades e limitações que a série teve para trabalhar com os Lobos Gigantes, talvez se eles fossem melhor explorados alguns problemas de desenvolvimento dessa última temporada tivessem sido resolvidos

João Victor Albuquerque

Formado em Sistemas de Informação, que no final da faculdade resolveu se meter nesse mundo do jornalismo. Apaixonado por joguinhos, filmes e sempre atrasado com as séries. O segundo Blizzardboy do Critical Hits.

Este website utiliza cookies