Cinema e TV

Este é o motivo pelo qual o Rei da Noite vai atacar Porto Real e não Winterfell no episódio desta semana de Game of Thrones

O terceiro episódio da última temporada de Game of Thrones contará com a tão esperada batalha de Winterfell, em que os exércitos dos vivos e dos mortos se enfrentarão em um derradeiro combate. No entanto, recentemente tem se popularizado na internet diversas teorias afirmando que o Rei da Noite não aparecerá na batalha, e que o seu verdadeiro alvo será Porto Real.

O site ScreenRant copilou todas essas teorias e agora vamos explicar o motivo dela fazer bastante sentido.

Bem, no episódio 2, ficamos sabendo por meio de Bran que o principal objetivo de Rei da Noite é matá-lo, já que como Corvo dos Três Olhos, ele representa toda a memória de Westeros, e o líder dos Caminhantes Brancos deseja justamente colocar o mundo em uma escuridão e esquecimento eterno.

Assim, o plano traçado para a batalha é fazer Bran esperar o Rei da Noite próximo da Árvore-Coração e criar uma espécie de emboscada para o vilão, pois na teoria, matando ele todos os outros Wights e Caminhantes Brancos morreriam. Mas ouvimos isso apenas da boca de Bran e não sabemos se esse realmente é o plano do Rei da Noite.

No pequeno teaser do próximo episódio, é possível ouvir Jon Snow falando “O Rei da Noite está chegando”, o que significa que ele não estará no começo da batalha. E justamente aí temos a nossa primeira pista. Por qual motivo o líder do exército dos mortos com a sua arma mais poderosa não estaria no começo da batalha?

No final do episódio passado vimos que quando os Caminhantes Brancos chegam nas redondezas de Winterfell, Jon e Daenerys saem juntos como se fossem buscar Drogon e Rhaegal, sugerindo que eles já irão utilizar força total no começo do confronto.

Outro ponto interessante de se notar é que provavelmente os Caminhantes Brancos não se focarão na batalha terrestre e tentarão justamente atingir um dos dois dragões com as sua lanças, pois como já foi demonstrado pelo próprio Rei da Noite é possível matar um dragão com apenas um golpe.

Voltando para o objetivo do Rei da Noite, se ele realmente quer destruir Bran, uma das formas de fazer isso é deixar o seu exército ainda maior, ao ponto de ser praticamente invencível, e Porto Real pode ser o local perfeito para isso. Como Cersei, Euron e Companhia Dourada estão esperando lutar contra o restante do exército que sobrar da Batalha de Winterfell, eles definitivamente não estão preparados para um ataque de um Dragão de Gelo. No próprio universo da série nós conhecemos o estrago que apenas um dragão é capaz de fazer, como o que aconteceu em Harrenhal, um antigo castelo de Westeros que era praticamente impenetrável por um ataque terrestre, mas foi completamente destruído por Balerion, o gigantesco Dragão de Aegon.

Por fim, para dar mais força a essa teoria, temos que comentar duas visões que já apareceram na série. A primeira delas é a de Daenerys, que viu a sala do trono parcialmente destruída com bastante neve, indicando que o inverno realmente chegou em Porto Real, logo, o Rei da Noite não foi derrotado na Batalha de Winterfell.

A segunda visão foi tida por Bran na 4º temporada, que mostrou a sombra de um dragão sendo lançada sobre Porto Real. Esse Dragão poderia ser justamente o Viserion do Rei da Noite.

O terceiro episódio da última temporada de Game of Thrones será exibido no domingo (28) às 22h na HBO.

A oitava e última temporada de Game of Thrones será um pouco menor, com apenas 6 episódios, mas todos tendo pelo menos uma hora de duração.

Gostou do nosso conteúdo? Siga o Critical Hits no Facebook, Twitter, Youtube e Instagram e não perca nenhuma das nossas novas postagens!

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade