Supervisor de efeitos visuais de Detetive Pikachu revela um detalhe perturbador sobre a língua do Lickitung

Entre as várias qualidades de Detetive Pikachu, um dos elementos que mais chama a atenção é a adaptação do design de cada monstrinho para a sua versão mais realista. Embora as chances fossem alta de que os Pokémon acabassem ficando estranhos, o visual de todos eles é cativante e facilmente aceitável que essas criaturinhas poderiam existe no nosso mundo.

No entanto, em uma recente entrevista ao io9, Pete Dionne, um dos supervisores de efeitos visuais do filme, revelou que a equipe de produção teve certa dificuldade na construção do Lickitung, especificamente no design da sua língua.

“Parece a língua de um bebê”, explica Dionne. “No fim, o que acabamos usando  foi realmente uma língua de bebê gigante, com a mesma textura macia, mas um pouco mais grosa e com menos umidade. E acredite em mim quando falo que tivemos muita discussão para chegarmos nisso.”

Ele ainda explica que as primeiras proposta eram ainda mais bizarras, como o fato da sua língua ser completamente lisa, já que a The Pokémon Company achava a saliva um pouco estranha.

“A primeira proposta foi que o Likiting não tivesse nem saliva. A saliva era muito vulgar. Seria apenas uma língua de silicone completamente seca e macia. Então, tivemos uma infinidade de descobertas, ‘Na natureza, qual é a versão mais foda de uma língua?’ Esse basicamente foi todo o processo de design para os demais monstrinhos.”

Felizmente, eles conseguiram achar um meio termo muito agradável e a cena protagonizada por Lickitung no filme é bem engraçada e não causa nenhum tipo de incomodo.

Detetive Pikachu ainda está em cartaz e você pode conferir a nossa crítica aqui.

João Victor Albuquerque

Formado em Sistemas de Informação, que no final da faculdade resolveu se meter nesse mundo do jornalismo. Apaixonado por joguinhos, filmes, animes e sempre atrasado com as séries.