Refilmagens de X-Men: Fênix Negra mudaram completamente o final do filme

Embora todos nos estejamos focados em Vingadores: Ultimato, o filme que encerrará a fase 3 da Marvel, daqui há pouco mais de um mês também teremos outra finalização de saga com X-Men: Fênix Negra.

Planejado para sair em novembro de 2018, Fênix Negra contou com dois grandes adiamentos para refilmagens e só será lançado agora no dia 7 de junho, quase um ano depois da sua data original.  Especulasse que provavelmente esses adiamentos tiveram alguma relação com a Disney, já que a empresa se tornou dona da Fox.

Agora, um novo relatório do site Entertainment Weekly, revela que o terceiro ato do filme foi completamente modificado. De acordo com o site, as refilmagens tiveram como objetivo tornar o longa mais “cósmico” e menos “flamejante”.

Além disso, o clímax do terceiro ato ocorreria no espaço, mas aparentemente isso foi modificado para uma sequência de ação em uma espécie de trem militar, que reunirá todos os X-Men. Curiosamente, essa cena do trem parece somente no novo trailer do filme.

A clássica saga da Fênix Negra é uma das obras mais consagradas das HQs do mundo dos mutantes. A história acontece depois que Jean Grey é escolhida como hospedeira de um entidade cósmica poderosíssima, dando a mutante poderes praticamente ilimitado, mas que ela não consegue controlar. A trama já foi adaptada em 2006 no filme X-Men: O Confronto Final, mas o resultado de bilheteria e crítica não foi muito bom.

Além de Sophie Turner no papel principal, o longa ainda conta com Jennifer Lawrence, James McAvoy, Nicholas Hoult, Alexandra Shipp, Kodi Smit-McPhee e Evans Peters.

X-Men: Fênix Negra é dirigido por Simon Kinberg e chega aos cinemas no dia 7 de junho de 2019.

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade