Cinema e TV

Disney fecha parceria com Grupo Chespirito e vai produzir uma nova série de Chaves

De acordo com o jornal argentino Clarín, Chaves, um dos seriados mais conhecidos e adorados pelo público brasileiro, vai ganhar uma nova série produzida pela Disney em parceria com o Grupo Chespirito.

Ainda segundo o jornal, a parceria teria sido fechada recentemente em comemoração aos 50 anos da primeira transmissão de Chaves, e deverá ter um grande anúncio oficial nas próximas semanas.

Além disso, esse remake de Chaves não seria estrelado por adultos, como na versão original, mas sim por crianças. A Disney também estaria considerando mudar o nome da série para “La vecindad del Chavo” (A Vizinhança do Chaves), com o intuito de deixar mais claro que se trata de uma nova versão.

A princípio, seriam encomendadas duas temporadas, mas caso a série seja bem recebida, a produção poderia receber uma continuação.

Por fim, junto com a revelação dessa nova série, a Disney ainda anunciaria que a parceria com Grupo Chespirito também incluiria os direitos de transmissão de todos os episódios da série clássica de Chaves no seu serviço de streaming, o Disney+.

Embora não deixe de ser surpreendente, o anúncio dessa parceria é um movimento que faz bastante sentido para a lado da Disney, principalmente depois que a rede mexicana Televisa decidiu não renovar o contrato com o Grupo Chespirito, fazendo com que o seriado deixasse de ser transmitido.

Assim, com a Disney podendo negociar diretamente com os donos da obra, uma parceria para produzir uma nova série e ainda trazer os episódios clássicos de Chaves é uma aposta certeira que visa diretamente o mercado da América Latina.

Atualização
Através do jornal mexicano El Universal, Roberto Goméz Fernández, filho de Chespirito, garantiu que não existem planos para uma parceria com a Disney e nem de uma nova série.

“Existem projetos de animação que consideramos e estão em desenvolvimento, mas ainda estamos fazendo isso em nosso nome, com a nossa produtora, eles ainda não têm um destinatário”, afirmou Fernández.

Confira também:

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade