Categorias: Cinema e TV

5 filmes esportivos que todo mundo tem que assistir

O mundo dos esportes fascina os fãs não apenas nas competições de verdade, mas também em produções de cinema.

No post de hoje, trazemos 5 fillmes esportivos que todo mundo tem que assistir pelo menos uma vez na vida, seja esta pessoa uma amante de esportes, seja alguém que não liga tanto assim para este tópico.

Nesta lista, trazemos exemplos variados, entretanto, de acordo com um levantamento publicado no blog da Betway, site de jogos de cassino online, todos eles possuem algumas características em comum, e a principal delas é despertar aquele frio na barriga de antecipação por parte dos fãs.

Sem mais delongas, vamos à lista.

1 – Rocky: Um Lutador (1976)

A carreira de Sylvester Stallone muito provavelmente não seria a mesma sem Rocky, e dificilmente o personagem também seria tão marcante se não fosse pela atuação de “Sly”.

No filme, vemos um lutador perdedor que mal consegue pagar as contas ganhando a chance de lutar pelo título dos Pesos Pesados numa ação publicitária do campeão, que já não encontrava adversários à altura dele. Rocky agora vai dar tudo de si na sua oportunidade de ouro e chocar o mundo. Eu tenho certeza absoluta que se esta luta tivesse acontecido de verdade, eu teria apostado pelo menos alguns reais em Rocky na Betway.

Poucos filmes merecem a classificação de perfeito, mas Rocky, por mais que tenha detalhes, é filme de esportes perfeito em sua própria essência.

2 – Rebound: The Story of Earl Manigault

Este é um filme que nem todo mundo pode ter assistido, mas que vale totalmente a pena. Lembro com ontem do meu professor de Educação Física decidindo passar esse filme ao invés de dar aula, e a turma toda, que a princípio preferia jogar futebol ou vôlei, acabar sendo conquistada por ele.

No filme, acompanhamos a trajetória de vida de Earl “The Goat” Menigault, um jogador das quadras de basquete de cimento de Nova Iorque e tinha um futuro brilhante pela frente, mas acabou colocando tudo a perder após se envolver com gangues e drogas. Este é provavelmente o maior jogador de todos os tempos que ninguém conhecem, já que até mesmo Magic Johnson, quando perguntado quem era o melhor jogador que ele já tinha visto jogar, respondeu sem pensar duas vezes que Earl era a escolha dele.

3 – Homens brancos não sabem enterrar (1992)

Provavelmente o maior clássico da história dos filmes de basquete, Homens Brancos não sabem enterrar vivia passando na Sessão da Tarde nos anos 90.

No filme, conhecemos a história de Billy Hoyle (Woody Harrelson) e de Sidney Deane (Wesley Snipes), dois jovens que se consideram os melhores jogadores de basquete de Los Angeles.

Eles então decidem unir forças e passam a enganar seus competidores, fingindo que Billy nada sabe sobre o esporte. Só que, na quadra, eles arrasam ao aplicar um jogo rápido e repleto de brincadeiras. Entretanto, a parceria pode chegar ao fim devido a gângsters que estão atrás de Billy, que lhes deve dinheiro.

Um clássico dos clássicos.

4 – Invictus

O Rugby é um esporte que cresceu imensamente na última década, e um dos fatores para isso certamente foi Invictus.

Neste filme, acompanhamos a história da África do Sul, um país dividido por décadas pelo Apartheid (política racista segregacionista que recém havia sido abolida no país) que tenta colocar este passado sombrio para trás ao trazer um time composto por negros e brancos com um único objetivo: ganhar a Copa do Mundo de Ruby de 1995.

5 – Karatê Kid: A Hora da Verdade

Com a popularidade meteórica de Cobra Kai, não poderíamos deixar o filme que começou tudo de fora, poderíamos?

Karatê Kid: A Hora da Verdade foi uma espécie de “resposta” da Columbia ao sucesso de Rocky, e apesar da franquia não ter atingido as alturas da rival, ela ainda assim marcou uma geração.

No filme, acompanhamos a história de Daniel LaRusso, um jovem magricela e fraco que recém chegou em Los Angeles e que é perseguido pelos bullies da Academia de Karatê Cobra Kai, e Senhor Miyagi, um  idoso mestre em caratê que a arte marcial pode ser muito mais do que violência, que ela é um verdadeiro estilo de vida.

Assim como a sua recente sequência, Cobra Kai, este filme é obrigatório.

Publicado por

Este website utiliza cookies