Categorias: ArtigosCritical Hit

Porque o desenvolvedor de A Way Out falou uma besteira sem tamanho ao afirmar que o PS4 “parece um PC velho”

Fala, galera, tudo bom com vocês?

O mundo dos games foi tomado por uma afirmação fortíssima de um dos desenvolvedores de A Way Out ontem. Segundo Josef Fares, em declaração dada ao Engadget, o PlayStation 4 parece um PC velho de 4 ou 5 anos, e os consoles, na maioria dos casos, prejudicam o desenvolvimento dos jogos pois eles são como uma âncora que atrasa o progresso técnico. Bom, eu acredito que ele falou uma besteira gigantesca, e hoje eu explico porque.

Vamos começar com uma pergunta: quantos de vocês têm um PC mais poderoso que um PlayStation 4? Para isso, basicamente, o que temos que olhar é a placa de vídeo do seu PC e do PlayStation 4. No caso do console da Sony, se consultarmos as especificações técnicas do console, descobrimos que ele tem uma placa de vídeo com 1,84 teraflops. Esse número é muito importante, pois é ele que vamos usar para comparar com outras placas de vídeo e é um número chave para derrubarmos esse mito de que o PS4 é um “PC velho que atrasa o desenvolvimento dos jogos”.

Para isso, usamos a página de Pesquisa de Hardware do Steam, que mostra estatísticas confiáveis o suficiente para analisarmos o espectro de jogadores de PC atualmente. Segundo o site, a placa de vídeo mais usada no Steam ainda é a NVIDIA GeForce GTX 750 Ti, uma placa de vídeo com 1,728 teraflops de potência bruta, ou seja, uma placa inferior ao PlayStation 4. É verdade que apenas 5,88% dos usuários tem uma placa de vídeo dessas, mas quantos usuários do Steam realmente possuem uma placa de vídeo com potência bruta maior do que a do PlayStation 4?

Descobrir isso requer um pouco de pesquisa, mas o que procuramos aqui, basicamente, é somar a porcentagem de toda placa de vídeo que possui mais de 1,8 teraflops de potência bruta, ou seja, as seguintes placas de vídeo da lista acima: Geforce GTX 760, GTX 770, GTX 960, GTX 970, GTX 980, GTX 980Ti, GTX 1050Ti, GTX 1060, GTX 1070, GTX 1080. Radeon RX 460, 470, RX 480.

Somando as porcentagens das placas listadas acima, chegamos ao número de 28,08% dos usuários do Steam com um computador com potência bruta maior do que a de um PlayStation 4. Ou seja, caso o desenvolvedor de A Way Out realmente quisesse fazer um jogo apenas para PCs “de topo”, ele iria atingir, no melhor cenário possível, cerca de um quarto dos usuários do Steam. Digamos que não é a melhor ideia do mundo fazer um produto apenas para um em cada quatro consumidores em potencial, não é mesmo?

Quando um desenvolvedor coloca as especificações mínimas para um jogo lá em cima, ele acaba deixando um monte de gente de fora dos consumidores em potencial, e isso obviamente se reflete nas vendas. Obviamente, isso não é motivo para fazer um jogo que rode até num Pentium 2, mas os consoles são sim um bom ponto de partida para se ter um jogo que rode num amplo leque de computadores, além de adicionar, a grosso modo, cerca de 60~70 milhões a mais de consumidores em potencial, caso somemos o número atual de consoles Xbox One e PS4 no mercado.

Enfim, a discussão entre PC x Consoles vai sempre existir, e geralmente os argumentos passam longe de ser racionais, mas se olharmos para os dados brutos, ainda vai demorar alguns anos para que a maioria dos donos de PC diga que, sim, eles têm um PC melhor do que um PlayStation 4. Até lá, o PS4 provavelmente já saiu de linha e o modelo de entrada virou o PlayStation 4 Pro, que é basicamente mais poderoso do que mais de 80% dessa lista de placas de vídeo acima.

Este website utiliza cookies