Estes 7 eventos ocorreram entre o fim de Dragon Ball Z e o começo de Dragon Ball Super

Dragon Ball Super marcou o retorno de uma das franquias mais populares de todo o mundo, e continuou os acontecimentos de Dragon Ball Z muitos anos após sua conclusão.

Porém, muita coisa aconteceu entre o fim de Dragon Ball Z e o início de Dragon Ball Super, e a lista abaixo fala um pouco mais sobre alguns destes acontecimentos. Confiram:

1- Dragon Ball GT surgiu.

Pouco anos após o fim de Dragon Ball Z, Dragon Ball GT começou a ser exibido, porém sua recepção não foi nada positiva. A grande maioria dos fãs não gostou nem um pouco do anime ao descobrir que ele não faz parte da franquia principal, apesar de Akira Toriyama ter tido envolvimento em sua produção.

2- O casamento de Gohan e Videl.

Videl apareceu pela primeira vez durante o arco do Grande Saiyaman, onde descobriu que Gohan era capaz de voar, e pediu para que ele lhe ensinasse a fazer o mesmo. O relacionamento dos dois só cresceu a partir daí e eles acabaram se casando após o fim de Dragon Ball Z e antes do início de Dragon Ball Super. A cena do casório dos dois nunca foi mostrada até hoje.

3- O irmão caçula de Vegeta, Tarble, visitou a Terra.

Poucos fãs sabem deste fato, mas o irmão caçula de Vegeta já visitou a Terra. Tarble é o completo oposto de Vegeta, e é um personagem muito amável e sorridente, o que torna o relacionamento entre os dois príncipes muito engraçado de se assistir. A visita de Tarble à Terra aconteceu durante o filme Dragon Ball: Yo! Son Goku and His Friend Return!!

4- Goten e Trunks parecem ter parado no tempo.

Uma das coisas que os fãs menos gostaram sobre Dragon Ball Super foi o fato de Goten e Trunks terem sido completamente esquecidos. Na verdade, os dois garotos não só foram esquecidos, como também foram congelados no tempo, pois não cresceram nem mesmo um centímetro desde o final de Dragon Ball Z, e parecem estar mais infantis do que antes em certos momentos.

5- Vegeta voltou a querer superar Goku.

O final de Dragon Ball Z conteve alguns momentos muito marcantes para à franquia, como por exemplo o fato de Vegeta ter finalmente reconhecido que Goku é mais forte que ele, e o anime acaba com os dois heróis mais amigos do que nunca, já que Vegeta não desejava mais superar Goku. Porém, o início de Dragon Ball Super muda completamente isto, como se aquela conversa nunca tivesse existido, o que fez com que Vegeta voltasse a ver Goku como um rival a ser superado, e a rivalidade entre os dois heróis é trazida de volta.

6- O Super Saiyajin Blue quase foi branco.

O Super Saiyajin Blue foi uma das coisas mais icônicas apresentadas por Dragon Ball Super, e se tornou a transformação mais popular entre os protagonistas durante a maior parte do anime. Porém, Akira Toriyama revelou em uma entrevista que sua ideia original de uma nova forma Saiyajin para o filme “Dragon Ball Z: O Renascimento de Freeza”, era fazer com os cabelos de Goku se tornassem brancos, porém a cor foi abandonada porque segundo o próprio Toriyama, cabelos brancos ficariam melhor em um vilão, o que nos leva ao último item desta lista.

7- A criação de Zamasu.

Após ter percebido que cabelos brancos combinariam melhor com um vilão, Toriyama acabou tendo a ideia de criar Zamasu, e o autor desejava que o arco de Zamasu/Goku Black tivesse acontecido durante o Renascimento de Freeza, porém a ideia também foi deixada de lado no fim.

Dragon Ball Super encontra-se em hiato no momento. O anime encerrou em março de 2018 com o fim do Torneio do Poder.

Vale ressaltar, entretanto, que o mangá continua sendo publicado mensalmente com aventuras inéditas.

Nesta nova fase, Goku e Vegeta estão diante de um novo desafio: Granolah, o sobrevivente. Este personagem sofreu na mão dos Saiyajins a mando de Freeza no passado, e agora busca vingança.

Você pode acompanhar o anime de Dragon Ball Super na íntegra no Crunchyroll, no seu idioma original com legendas em português.

Acesse o site por este link e então ganhe 14 dias de premium gratuitos em uma nova conta.

Eric Arraché

Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade