Anime

Este é o verdadeiro motivo que fez Basil Hawkins se juntar à Kaido em One Piece

Pouco antes de One Piece dar início ao arco de Wano, vimos Basil Hawkins, Apoo e Captain Kid se depararem com Kaido em alguma ilha no Novo Mundo e, após se passar a apresentação do Yonkou, nós ficamos sem saber o que havia acontecido naquele momento.

No arco de Wano, porém, descobrimos que Hawkins havia se aliado ao Yonkou e passara a trabalhar sob suas ordens, mas por que ele fez isso? O mangá nos conta.

Atenção! Spoilers de One Piece abaixo!

No capítulo 954 de One Piece vimos Trafalgar Law derrotar Basil Hawkins após fugir da prisão e, ao questioná-lo, o Supernova revela que ele se aliou à Kaido porque ele não tinha outra opção.

Segundo ele, Apoo já era um subordinado de Kaido e os demais Supernova não sabiam nada a respeito disso e, ao encontrar os piratas, Kaido fez uma proposta:

A questão aqui é que Kaido não costuma matar pessoas fortes, preferindo aprisioná-las e torná-las seus aliados à força e foi exatamente isso o que ele fez com Kid e Killer. Hawkins até planejava escapar, mas ao ver que não seria capaz de fugir, ele não teve outra saída a não ser se submeter ao Yonkou.

Hawkins muito provavelmente terá uma participação importante no ataque dos samurais à Onigashima, podendo se tornar um aliado e ajudar a derrotar o Yonko.

One Piece conta a história de Monkey D. Luffy, um jovem com poderes de borracha cujo sonho é tornar-se o Rei dos Piratas, e da tripulação deles, os Piratas do Chapéu de Palha.

Ao todo, o anime conta com mais de 900 capítulos divididos em diversas sagas, e ainda é exibido no Japão, sendo uma das séries mais populares de todos os tempos.

Atualmente, o anime está desenvolvendo o arco de Wano, um país inspirado no Japão Feudal e dominado pelo Yonkou Kaidou das Cem Feras.

A história de Luffy e seus amigos pode ser acompanhada na íntegra no Crunchyroll, em japonês com legendas em português.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade