Anime

Criador de Attack on Titan revela as maiores dificuldades para finalizar o mangá

Depois de quase 10 anos, o adorado mangá de Attack on Titan está se aproximando do seu arco final, no entanto, parece que o seu criador, Hajime Isayama, frequentemente anda tendo preocupações e dificuldades para encerrar a história.

Essa informação chegou aos fãs por meio de um documentário produzido pela MBS, que foi totalmente focado no artista, mostrando que ele tem travado uma batalha pessoal para desenhar os últimos esboços de Attack on Titan.

De acordo com o documentário, o Mangaká tem lidado diariamente com o fardo de querer corresponder às expectativas dos fãs, mas também desejar surpreendê-los , tornado bastante penoso o seu processo criativo (via ANN).

“É assim todos os dias. Minha preocupação em não conseguir um bom rascunho me faz não conseguir dormir. Então ficou com fome, então não consigo desenha. Mas quando como, fico com sono e ainda não consigo desenha”,

Durante diversos momentos do documentário foi mostrado Isayama simplesmente deitado no sofá meio atordoado como se estivesse pensando em outra coisa ou apenas querendo escapar da realidade.

Ainda é relatado que o estresse pelo fim do mangá tem causado alguns problemas físicos em Isayama, como um cansaço excessivo, já que para cumprir os prazos ele tem virado a noite trabalhando, acordando somente por volta das 16:00 do dia seguinte.

Uma maneira simples encontrada por ele para sair um pouco dessa rotina estressante, foi jogar videogame, mais especificamente o Nintendo Switch. Nas filmagens, um dos raros momentos em que Isayama aparece sorrindo é durante uma pausa em que ele está jogando Splatoon.

Por fim, o documentário pergunta se após finalizar Attack on Titan ele ainda tem vontade de desenhar alguma outra coisa.

“Sim. Mas não sei se sou capaz de desenhar. Pergunto-me se terei forças em mim para continuar.”

Shingeki no Kyojin ou Attack on Titan começou a ser publicado em 2009 no Japão, na revista mensal Bessatsu Shōnen Magazine. No Brasil, o mangá foi licenciado pela Panini e é publicado desde 2013.

Também em 2013, começou a ser exibida a adaptação em anime, que atualmente está na sua terceira temporada e pode ser assistido no Brasil pela Crunchyroll.

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade