Categorias: Anime

Afinal, como Ichigo ficou tão mais forte que Aizen em Bleach?

Aizen é considerado por muitos fãs de Bleach o melhor vilão do anime, afinal de contas, ele era extremamente poderoso, e só foi vencido por Ichigo com a Presa Celestial Final.

Mas afinal de contas, como que Ichigo conseguiu ficar tão poderoso a ponto de fazer um adversário que parecia invencível tornar-se indefeso contra ele?

No post de hoje, nós explicamos um pouco mais sobre esse acontecimento.

Atenção: falaremos sobre spoilers de Bleach abaixo. Você foi avisado!

Durante o treinamento de Ichigo para despertar a Presa Celestial Final (ou Saiko Getsuga Tenchou) pode ter ficado um pouco confuso como ele ficou tão poderoso.

Como Ichigo ficou tão mais forte que Aizen em Bleach

Na verdade, Ichigo já possuía todo aquele poder anteriormente, mas ele estava tentando afastar-se daquilo e repudiar toda a força que ele tinha.

Desde que Ichigo descobriu a Hollificação, ele ficou apavorado com a possibilidade da versão Hollow dele tomar conta do corpo dele e transforma-lo num monstro sanguinário, como quase aconteceu durante a luta dele contra Byakuya Kuchiki e depois contra Ulquiorra Cipher.

Por causa disso, Ichigo foi cada vez mais suprimindo os poderes dele. Por mais que ele se tornasse mais forte, na verdade ele estava deixando de aproveitar o potencial todo dele.

Ao ser atingido pela espada da fusão de Zangetsu com a versão Hollow de Ichigo, ele não foi ferido porque aquele poder todo era dele na verdade, e ao aceitar esse poder, Ichigo finalmente percebeu que ao invés de fugir e combater quem ele era, ele deveria aceitar todos os lados dele, ou seja, Shinigami, Humano e também Hollow.

Por ser um híbrido destes três, Ichigo era muito mais poderoso do que um Shinigami normal. Nem mesmo o poder de Aizen somado ao Orbe Degradante conseguiria fazer frente à força dele.

Confira também

Bleach pode ser conferido na íntegra no Crunchyroll.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

Este website utiliza cookies