Categorias: Anime

5 personagens de Dragon Ball Super que poderiam ganhar um reboot para entrar no universo canônico

Além de ser um filme fantástico, Dragon Ball Super: Broly trouxe para o universo canônico da franquia dois personagens muito amados pelos fãs, Gogeta e Broly. Especificamente para Broly, o filme fez um trabalho incrível construir uma personalidade mais compatível com o personagem, além de mudar a sua origem para encaixar melhor na cronologia e lógica da série.

Obviamente, com um trabalho tão bem feito, agora é natural pensar qual outro personagem poderia receber um tratamento similar. Nas dezenas de derivados não-canônicos da obra de Akira Toriyama existem alguns coisas bem estranhas, mas também há ideias interessantes que poderiam ser inseridas na série principal.

Por isso, resolvemos fazer uma lista com os  5 personagens de Dragon Ball que poderiam ganhar um reboot para entrar no universo canônico

Chronoa

Embora Kale e Caulifla tenham sido apresentadas em Dragon Ball Super, temos que concordar que no geral Dragon Ball carece de personagens femininas. Então uma ótima opção para começar a resolver isso é trazer Chronoa, a Kaiohshin do Tempo, para o universo canônico. Além de ser mencionada em Dragon Ball Online, Chronoa aparece em Dragon Ball Heroes e Dragon Ball Xenoverse. Além de cuidar do fluxo do tempo no universo, Chronoa é a segunda Kaiohshin mais velha, perdendo apenas para o Velho Kaiohshin, portanto ela é uma das Kaiohshins ainda vivas com mais conhecimento.

Baby

Amado por uns, odiado por outros, Dragon Ball GT sem dúvida é uma obra bem divisava em relação aos fãs. Mas não há como negar que existem algumas ideias genuinamente boas no anime, uma delas é o antagonista Baby. O vilão basicamente deseja exterminar os Saiyajins e reviver a raça alienígena Tsufurujin. Embora na sua forma básica Baby é pequeno e fraco, ele possui a capacidade de possuir e controlar outros corpos. Então, assim como acontece em Dragon Ball Gt, Baby poderia ter como hospedeiro Trunks, Gohan ou até mesmo Vegeta e quem sabe poderíamos ter uma luta de Baby Vegeta contra Goku.

Dragões Negros

Continuando em Dragon Ball GT, outra ótima ideia são os Dragões Negros. Embora a sua representação realmente precisaria ser mudada para entrar no universo canônico, o conceito dessas criaturas é extremamente interessante. Os Dragões Negros basicamente são seres malignos criados pelo uso excessivo das Esferas do Dragão. Como já sabemos, as Esferas do Dragão já foram usadas muitas vezes em Dragon Ball e já passou da hora de existir alguma consequência para esse uso. Se bem adaptados, os Dragões Negros seriam a solução perfeita.

Androide 21

Outra personagem feminina que facilmente seria aceita pelos fãs é a Androide 21. Apresentada em Dragon Ball FighterZ a personagem é uma das androides construídas pelo Dr. Gero, mas após suas morte, ela foi finalizada pelo supercomputador de Gero. Poderíamos ter uma adaptação da mesma história de Dragon Ball FighterZ, deixando de lado um pouco a questão de uma alma possuir diversos lutadores e se focando mais na luta da Androide 21 em controlar o seu lado Majin Boo.

Coola

Como o reboot de Broly foi muito bem aceito pelos fãs, outro personagem que possui um nível de popularidade bem alto é Coola, o irmão mais velho de Freeza. Além de também ter aparecido em Dragon Ball FighterZ, Coola é o principal vilão em Dragon Ball Z: Uma Vingança Para Freeza e retorna posteriormente em Dragon Ball Z: O Retorno de Coola. Talvez a forma mais interessante de colocar Coola ao universo canônico, não seja adicionando ele logo de cara como um vilão, porque o personagem realmente não possui muita personalidade, mas quem sabe introduzi-lo como um rival de Freeza que deseja se provar, já que mesmo sendo mais novo, o seu irmão é consideravelmente mais forte.

E aí gostou da lista? Comenta aqui embaixo!

Disqus Comments Loading...

Este website utiliza cookies