Vendas do primeiro mês de Shovel Knight foram acima do esperado pela Yatch Club Games

Um mês após o lançamento de Shovel Knight, a Yatch Club Games decidiu fazer algo que poucas empresas fazem: ser transparente e mostrar quantas unidades do seu produto foram vendidas e para quais plataformas.

Esse detalhamento foi feito num artigo muito interessante no site Gamasutra, onde eles detalham, dentre outras coisas, o processo de desenvolvimento do jogo e como a companhia quase quebrou durante a produção dele (afinal o dinheiro do Kickstarter não era nem de longe o suficiente um ano de desenvolvimento).

A princípio, a companhia planejava vender cerca de 60 mil cópias durante o lançamento, uma quantidade de duas a quatro vezes o número de cópias comercializadas durante o Kickstarter do jogo. No fim das contas, só na primeira semana, o jogo vendeu 75 mil cópias só na primeira semana de lançamento, e fechou o primeiro mês com 150 mil cópias vendidas. Um excelente resultado para uma companhia pequena.

O artigo ainda traz mais um monte de números, como as porcentagens de vendas durante o Kickstarter e após esse primeiro mês de vida. É interessante notar que, apesar de donos de 3DS e Wii U terem sido minoria durante o Kickstarter, eles foram quase 2/3 das vendas depois que o jogo chegou as prateleiras digitais do eShop da Nintendo, o que acabou fazendo a aposta do Yatch Club Games de levar o jogo exclusivamente a esses consoles valer a pena.

Para quem quiser ver em detalhes, clique aqui. Ele está em inglês, mas é uma leitura bem interessante para quem curte o lado “business” do mundo dos jogos.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade