Jogador de Tibia chega ao nível 999

Tibia é um dos MMORPGs mais antigos da história dos games, e um jogo com algumas características bem peculiares, como o fato de você poder evoluir o seu personagem indefinidamente. Outra característica única do jogo é uma porta que foi colocada como piada pela desenvolvedora do game numa certa área do jogo. Para atravessa-la, você precisa ser um personagem de nível 999.

Desde que ela foi colocada lá, os jogadores sempre se perguntaram o que teria depois dela, e quem seria o primeiro a atravessá-la. Hoje, temos a resposta para uma dessas perguntas.

Depois de muito, mas muito grinding, o brasileiro Kharsek chegou ao nível 999, e já está rumo ao nível 1000. Infelizmente, Kharsek já avisou que não vai revelar aos jogadores o que está além dessa porta, se é que há algo lá, já que no Test Server de 2009, jogadores encontraram um glitch no jogo que os fazia chegar ao nível 1000.

Chegando nesse nível, eles atravessaram a porta de nível 999 para encontrar… nada. É isso mesmo, a CipSoft ainda não havia criado nada lá, provavelmente acreditando que ninguém iria chegar nesse nível tão cedo. Abaixo, é possível ver a hunt em que Kharsek conquistou o nível 999, no Asura Palace, próximo a Port Hope:

O que será que há nessa porta? Provavelmente só ficaremos sabendo quando outro jogador chegar no nível 999 e contar para os outros jogadores. Até lá, vamos acompanhando quanto tempo isso leva para acontecer e em qual nível Kharsek chega até lá. Vale ressaltar que Kharsek foi criado em 2007, então o jogador levou nada menos do que 9 anos para atingir esse feito.

Eric Arraché

Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.

Publicado por
Tags: Tibia

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade