InícioGamesTelltale e Lionsgate vão produzir show meio jogo, meio televisão

Telltale e Lionsgate vão produzir show meio jogo, meio televisão

A companhia de entretenimento Lionsgate (Orange is the New Black, Mad Men, Jogos Vorazes, o fodástico John Wick, etc) e o estúdio Telltale (de Walking Dead, Tales from the Borderlands, Wolf Amoung Us e outros) anunciaram uma parceria para produzir um show que será parte videogame, parte show de televisão.

A parceria consiste na Lionsgate colocando bastante dinheiro na Telltale. Um bastante não identificado, já que nenhuma das companhias divulgaram os valores do contrato, mas acreditamos que não seja pouca coisa. Isso pode ou não ter a ver com a contratação de Peter Levin, co-fundador e antigo CEO da Nerdist Industries, para a presidência do setor de jogos da Lionsgate.

“Nossa parceria com Kevin Bruner e seu time na Telltale continua a acelerar nosso momento no espaço dos jogos,” disse Levin no discurso de anúncio. “A convergência entre marcas premiadas de entretenimento filmado e propriedades originais de jogos é a direção natural para que continuemos a diversificar nosso conteúdo, e a Telltale é a parceira perfeita com quem vamos explorar essa dinâmica área de crescimento.”

Kevin Bruner, por sua vez, vai aproveitar a oportunidade para explorar ainda mais o potencial de criação da Telltale. “Essa parceria vai acelerar a habilidade da Telltale em criar não só jogos originais, mas series de televisão episódicas baseadas nas propriedades de nossos jogos. “

As duas companhias vão colaborar na criação de um híbrido entre televisão e videogames, um tipo de entretenimento que Kevin Bruner chamou de “Super Show” em entrevista com o Entertainment Weekly. Quantum Break, alguém?

“Um Super Show combina partes de conteúdo interativo jogável com parte de conteúdo scriptado de televisão. Ambas as partes, quando combinadas, são o que fazem um verdadeiro episódio de Super Show,” disse Kevin. “Não é uma série interativa com um show, nem uma série de tv com um jogo, mas uma história integrada de um jeito que só a Telltale pode fazer. Para nós é uma evolução bem natural das histórias interativas.”

O projeto vai inaugurar a primeira propriedade intelecutal da Telltale, que até então usou outras(Walking Dead, Jurassic Park, De Volta Para o Futuro, Game of Thrones, Fables, etc.) para produzir seus jogos.  Kevin ainda afirmou que o super show será projetado de forma que seja possível assistir o conteúdo ou jogar em qualquer ordem, sem prejudicar a experiência.

Pra finalizar, Kevin Brune foi completamente humilde ao divulgar o objetivo das duas companhias com a ideia do Super Show. “Nosso objetivo é criar produtos que tenham chances legitimas de ganhar tanto o Golden Globe quanto o Game Of The Year.”

Parece arriscado. Parece divertido. Vamos esperar pra ver se dá certo.

Tico
Ticohttp://criticalhits.com.br
Redator eventual, podcaster e negro maravilhoso.