Segundo político americano, jogos violentos deveriam ter mais impostos

Volta e meia, principalmente quando acontece algum tiroteio envolvendo jovens, políticos desinformados aproveitam para tentar culpar jogos e filmes como o motivo pelo qual os jovens se tornam violentos, e um deputado do estado americano de Rhode Island quer ir além e aumentar os impostos de jogos que sejam considerados violentos por uma comissão.

A ideia do legislador é que os jogos custem 10% a mais caso eles tenham uma classificação M-for-Mature segundo a ESRB, ou seja, jogos para maiores de 18 anos.

Com isso, o preço de jogos como GTA V passariam de 64 dólares (60 do jogo normal mais os 7% de imposto do estado, nos EUA, o imposto é calculado em cima do preço final) para 70,20 dólares.

O destino dessa taxa extra seria o estabelecimento de conselheiros em distritos escolares do estado, além de financiar programas de auxílio psicológico e atividades que ajudem na resolução de conflitos.

“O nosso objetivo é garantir que todas as escolas de Rhode Island tenham um ambiente calmo e seguro para que os estudantes aprendam. Ao oferecer aos jovens recursos para lidarem com a agressividade hoje, nós podemos garantir um amanhã mais pacífico”.

Além do deputado Robert Nardolillo, recentemente o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, também disse que “o nível de violência dos jogos de videogame estão definindo os pensamentos dos jovens”, ou seja, pode ser que acabe sobrando para os jogos a conta do controle praticamente inexistente que os EUA estabelecem em quem tem acesso à compra de armas.

Essa não é a primeira vez que algum legislador americano propõe esse tipo de taxa. Em 2013, após o tiroteio em Sandy Hook em Newtown, Connecticut, outro legislador propôs um tipo de lei semelhante. Além disso, no ano passado, um representante do Missouri propôs também um imposto a mais em jogos com classificação M ou superior. Em ambos os casos, a ideia era financiar programas de saúde mental, mas ambas as propostas nunca viraram lei.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade