Nintendo tem prejuízo de 456 milhões de dólares no ano fiscal de 2013

Más notícias para a Nintendo. A companhia publicou hoje o relatório fiscal do ano de 2013, que compreende o período entre o primeiro dia de abril de 2013 e último de março desse ano, e o resultado foi um prejuízo de 456 milhões de dólares, ou 46,4 bilhões de ienes.

O prejuízo de 456 milhões de dólares é bem diferente do que havia sido projetado inicialmente pela companhia para esse ano: um lucro de quase 500 milhões de dólares.

O principal vilão desse resultado foi o Wii U novamente. O console vendeu menos unidades que a companhia projetava e menos cópias de jogos também. Apesar disso, o console ainda mantém a segunda colocação na corrida pela liderança dessa geração, com 6,17 milhões de unidades vendidas desde o seu lançamento, em novembro de 2012. Nesse ano, o console vendeu 2,7 milhões de unidades, 100 mil a menos que a companhia projetou.

Apesar desse resultado, a companhia também anunciou que tanto New Super Mario Bros U quanto Super Mario 3D World e Super Luigi U venderam mais de um milhão de unidades. Ao todo, 18,86 milhões de jogos de Wii U foram movimentados nesse período.

O Nintendo 3DS se saiu melhor do que o seu irmão maior no mesmo período, vendendo 12,24 milhões de portáteis e 67,89 milhões de jogos. Apesar dessa quantidade estrondosa para o período, a companhia não atingiu o projetado, já que ela esperava vender 13,5 milhão de portáteis. Felizmente, uma das projeções foi superada, a de jogos, onde a companhia esperava vender 66 milhões de jogos.

Dentre os destaques, temos Luigi’s Mansion: Dark Moon, The Legend of Zelda: A Link Between Worlds e Mario & Luigi: Dream Team, com cada um vendendo mais de 2 milhões de cópias. Animal Crossing: New Leaf continua sendo destaque do portátil, tendo vendido 3,8 milhões de unidades em 2013, e 7,66 ao todo.

O Nintendo 2DS foi lembrado no relatório também. O portátil indicado para crianças (e lançado juntamente com Pokémon X & Y) vendeu 2,2 milhões de unidades. Para completar, o Wii vendeu 1,22 milhões de unidades e o DS 130 mil.

A companhia espera virar o jogo no ano fiscal de 2014 e ter um lucro de pouco mais de 300 milhões de dólares, mas para isso tem bastante lição de casa para fazer. A E3 desse ano pode ser decisiva no futuro próximo da Nintendo. O que vocês acham que vai acontecer?

Eric Arraché

Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.

Publicado por
Tags: Nintendo