Microsoft anuncia o Windows 10

A Microsoft acabou de anunciar o mais novo Windows, o sucessor do Windows 8, o Windows 10. Isso mesmo, 10, a Microsoft pulou do 8 pro 10 porque foda-se, o programa é deles e eles que escolhem o nome. Ou vai ver a companhia esqueceu como se conta, já que no caso do Xbox a sequência foi Xbox, Xbox 360, Xbox One.

Enfim, no vídeo acima, o Windows VP Joe Belfiore (que tem um cabelo que nem o meu irmão tem mais coragem de usar) comenta que a companhia já disponibilizou no seu site um preview instalável de como será o sistema operacional, para quem estiver curioso para instalar e ver que novidades ele nos reserva.

A primeira grande novidade é a volta do Menu Iniciar, como pode ser vista abaixo:

No zoom abaixo, dá pra notar que o novo Menu Iniciar do Windows 10 será um misto do que nós temos no Windows 7 e da interface Metro, usada no Windows 8. Essa interface Metro grudada ao Menu Iniciar é personalizável, ou seja, você pode guardar seus apps de acesso rápido ali e usa-los com poucos cliques do mouse (porque afinal de contas é muito mais simples fazer isso do que achar o ícone deles no Desktop, certo?).

Outro veterano que retorna ao Windows 10 é a barra de buscas, que pode ser acessada tanto no Menu Iniciar quanto da barra de tarefas:

Ainda no departamento de melhores voltas, a Microsoft finalmente entendeu que o futuro do mundo não é o tablet (ou pelo menos o tablet rodando Windows 8) e voltou a incluir os botões de minimizar janela, maximizar janela e fechar janela direto na tela do aplicativo aberto, diferente do que acontecia no Windows 8, quando um app da Appstore do Windows abria em tela cheia e azar o do usuário, como se ele estivesse usando apenas um tablet ou uma tela sensível ao toque:

Uma novidade muito interessante adicionada ao Windows 10 é o Snap, uma função que divide a sua tela em duas ou mais, para auxiliar na produtividade de quem não usa mais de um monitor para trabalhar. Ela já existia desde o Windows 7, mas teve várias melhorias implementadas no Windows 10. Ao acionar o modo, o Sistema Operacional sugere que outro app deveria ser aberto juntamente com o atual:

Além disso, você também poderá criar múltiplos desktops, para quando você quiser usar seu computador para trabalho ou para lazer, evitando assim aquela confusão dos infernos de ícones que eventualmente acaba aparecendo em todos os desktops.

Para testar a demonstração atual do Windows 10 (que está sendo atualizada constantemente), você precisa fazer parte do Windows Insider Program. Para acessar o site do programa e fazer seu registro, clique aqui.

Eric Arraché

Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.

Publicado por
Tags: Windows 10