InícioGamesMais1Code recebe apoio da Riot Games em seu projeto social

Mais1Code recebe apoio da Riot Games em seu projeto social

A Riot Games selecionou três iniciativas, e a Mais1Code foi uma delas. A partir de agora, por meio de votação, será definido o valor total da bonificação que cada instituição deverá receber, podendo ultrapassar 50 mil reais.

Iniciativas que promovem a inclusão e a equidade de classes no ambiente profissional estão, felizmente, recebendo cada vez mais apoio de grandes instituições do mercado. Um exemplo é o fundo beneficente da RIOT Games que, neste ano, pretende apoiar três negócios brasileiros com foco em impacto social. Dentre as opções, a organização escolheu a Mais1Code, uma escola de tecnologia para jovens de baixa renda, para ser um dos negócios apoiados pelo projeto.

A Mais1Code oferece ensino de programação gratuitamente e principalmente online para pessoas das periferias de todo o Brasil. Implementada há apenas 3 anos, sua metodologia de ensino, adaptada para ‘jovens da quebrada’, já formou mais de dois mil alunos e desenvolveu soluções para facilitar a entrada deles no mercado de trabalho. Por meio de parcerias com grandes marcas como Sodexo, Instituto Nu, Instituto Coca-Cola, Zé Delivery, entre outros, a Mais1Code é reconhecida como um dos mais relevantes negócios de impacto social do país. Após um processo global de diligência prévia com a Global Giving, a escola de tecnologia foi escolhida pela RIOT para receber uma quantia equivalente a 50 mil reais.

A RIOT Games é conhecida por desenvolver alguns dos jogos mais famosos do mundo, como Valorant e League of Legends, o popular LOL. Além de jogos, a organização também produz vários programas multimídia, como a série animada Arcane, que ganhou quatro dos cinco Emmys para os quais foi indicada em 2022. Além dos 50 mil reais oferecidos, o fundo premiará o negócio mais votado com uma quantia adicional de 50% desse valor. ‘Nossa felicidade não é apenas pelo prêmio, mas também por termos sido reconhecidos internacionalmente por uma empresa tão relevante no mercado. O que estamos fazendo pela vida de muitos jovens da favela tem trazido esperança para o futuro de todo o nosso país’, comenta Diogo Bezerra, fundador da Mais1Code.

Sobre a utilização do valor para melhorias na gestão do negócio, Diogo afirma que isso é mais um passo para o objetivo principal da escola: formar e inserir no mercado de trabalho tech o maior número de jovens periféricos possível. ‘Queremos aprimorar a operação dos nossos três projetos principais: o Reprogramando a Quebrada, que oferece acesso à educação tecnológica para jovens da periferia; o Estrelas Fora da Caixa, que visa impulsionar a carreira desses alunos; e o Pipa Labs, projeto em que desenvolvemos kits de cultura maker para crianças, para motivar suas habilidades tecnológicas. Acreditamos que, com este apoio, a Mais1Code será um pilar importante para as próximas gerações, principalmente as que estão à margem da sociedade’, finaliza.

Giacomo Moura
Giacomo Moura
Giacomo Canale é redator sobre games e animes no Critical Hits.