Final Fantasy VII – Nova demonstração aumenta ainda mais as expectativas

Final Fantasy VII Remake é considerado um dos jogos mais aguardados desta geração. Apesar do longo desenvolvimento do projeto, a Square Enix conseguiu reunir uma boa dose de expectativas positivas, atraindo o público graças a diferentes fatores. Por exemplo, o valor afetivo do título é algo que atrai jogadores da versão original, enquanto o novo formato de combate chama atenção daqueles que não estão familiarizados.

Dito isso, tive a oportunidade de jogar Final Fantasy VII Remake por meio de uma nova demonstração. Disponibilizada hoje (02), a demo traz momentos de ação frenética, detalhes sobre a nova fórmula de combate e até mesmo personagens icônicos. Sendo assim, se você tem interesse pelo vindouro game, vale a pena conferir esta prévia que já está disponível no PS4.

Embora seja relativamente curta, a demonstração traz uma missão interessante para o jogador se familiarizar com o novo formato. Neste caso, Final Fantasy VII Remake disponibiliza 3 modos para o jogador, sendo eles: Fácil, Normal e Clássico.

No modo Fácil e Normal, o jogador utiliza o sistema de combate remodelado, que traz grandes semelhanças com o formato de Kingdom Hearts. Enquanto isso, no caso do modo Clássico, o jogador se torna responsável por apenas delimitar ações dos personagens – que são controlados por inteligência artificial. Particularmente, considero que Final Fantasy VII Remake dispense o modo Clássico com maestria, tendo em mente que o combate se tornou um atrativo tão interessante quanto a própria história.

Seguindo a demonstração, o jogador pode utilizar Barret em momentos específicos. Diferente de Cloud, o foco de Barret está no ataque à distância, e por isso, existe uma certa necessidade de adaptação para utilizar todo potencial que o personagem oferece. Ao dominar a estratégia de ambos, o jogo toma um novo rumo, tornando a experiência ainda mais interessante.

Mais difícil do que aparenta?

Contrário ao formato de RPG original, FFVII Remake traz um estilo de combate muito mais dinâmico, e se tratando de alguns inimigos, a experiência se torna ainda mais difícil. Por exemplo, em determinada situação, fui obrigado a conjurar feitiços de cura de forma ininterrupta, graças ao ataque frenético de múltiplos inimigos.

Coordenar uma estratégia que envolva ambos os personagens pode se provar ainda mais benéfico do que o combate direto e desenfreado. Sendo assim, apesar do formato sugerir que o jogador avance com toda força, a satisfação de uma estratégia bem executada pode melhorar ainda mais a impressão quanto ao estilo adotado.

Em adição, a trilha sonora do game também esbanja uma jornada épica, e de certa forma, a orquestra que rege cada confronto também é responsável por uma impressão mais do que positiva. Por fim, a Square Enix conseguiu reunir todos os elementos que tornam FFVII tão icônico, e este Remake pode surpreender até mesmo os mais céticos.

O formato dividido de Final Fantasy VII é um problema para o game?

Apesar de todo potencial exibido, ainda há quem se preocupe com o fato de Final Fantasy VII Remake ser dividido em partes. Felizmente, esta nova demonstração comprova que a Square Enix tem em mãos um título único, e apenas os eventos que ocorrem em Midgard já serão o suficiente para manter o jogador entretido por mais de 40 horas.

Tal como descrito anteriormente, o primeiro game contará com cerca de 100GB no PS4 – além de ser necessária a utilização de 2 Blue-Ray. Logo, podemos tratar esta primeira parte como um título completo dentro de seu próprio contexto, oferecendo margem para uma continuação genuína. Além disso, pela forma como a Square Enix está recriando cenas icônicas, podemos presumir que esta primeira parte trará muito mais história do que sua versão original.

Em todo caso, vale a pena conferir a nova demonstração de Final Fantasy VII Remake e tirar suas próprias conclusões. O sistema de combate que se assemelha a Kingdom Hearts concede uma nova experiência para os fãs do título original, e ao mesmo tempo, trazem uma certa dinamismo que pode agradar aqueles que não conhecem a obra.

Final Fantasy VII Remake tem lançamento previsto para o dia 10 de Abril, e será mantido como exclusivo até 2021.

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade