Escritora da BioWare deixa a empresa após ameaças de morte à família dela

O que você gostaria de fazer com quem estragou a sua série favorita? Bom, pense novamente, porque às vezes as pessoas vão longe demais e foi exatamente isso o que aconteceu nesse caso. A escritora sênior da BioWare, Jennifer Helper, acaba de deixar a empresa após ameaças de morte à ela e à família dela por causa de Dragon Age II.

Apesar de Dragon Age II ter saído há um bom tempo, parece que teve gente que ainda não superou os rumos da série e continuou criticando tanto ela quanto outros membros da empresa, seja em fóruns, seja no Twitter, mas o que acabou motivando ela a deixar a companhia foram emails com imagens explícitas e ameaças de morte a ela e às duas filhas dela.

Ao que tudo indica, isso foi motivado por causa de uma entrevista de seis anos de idade que acabou voltando a ser divulgada recentemente onde ela disse qe não gostava do combate em jogos eletrônicos. Isso foi o suficiente para que ela fosse chamada de “câncer” e que ela estava destruindo a BioWare nos fóruns da companhia.

Essa não é a primeira vez que esse tipo de babaquice acontece. Caso vocês não lembrem, um desenvolvedor da Treyarch foi ameaçado de morte por causa de uma mudança de último minuto em uma das armas de Call of Duty: Black Ops 2.

Eu não consigo pensar em alguma opinião pra dar porque isso simplesmente é ir muito além do longe demais. Ameaçar uma pessoa de morte é doença mental pura, seja qual for o motivo, ainda mais um jogo de videogame. Depois alguma merda relacionada a isso acontece e lá vamos nós de novo ter que repetir, como sempre, que não são os jogos que tornam as pessoas violentas e sim que elas são doentes por natureza mesmo.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade