Equipe de No Man’s Sky recebeu diversas ameaças de morte após adiamento do jogo

A internet permitiu que a humanidade avançasse em vários aspectos, mas também facilitou o crescimento e a identificação de uma doença que afeta diversas pessoas dependendo do assunto que está sendo discutido e faz tanto mal a aqueles que são atacados quanto a elas mesmas. Ah, o nome da doença é babaquice.

A mais recente manifestação desta doença no mundo dos games aconteceu neste final de semana, quando a equipe da Hello Games oficializou o adiamento de No Man’s Sky, um dos jogos mais aguardados do ano.

Talvez eu, você e qualquer outra pessoa com o mínimo de bom senso tenha ficado apenas triste por ter que esperar mais dois meses para desbravar o espaço proceduralmente gerado do jogo, mas como a internet abriga todo tipo de gente, um grupo de pessoas decidiu que ameaçar os desenvolvedores de morte seria uma boa ideia.

Após o número de ameaças acumular, o desenvolvedor Sean Murray deu a notícia através do Twitter e soube levar toda a situação na brincadeira (já que a última coisa que essas pessoas merecem é ser levadas a sério):

“Recebi várias ameaças de morte esta semana, mas não se preocupem, a Hello Games agora parece a casa de Esqueceram de mim”.

“Me digam quando for seguro retirar as bolinhas de gude e o óleo das escadas. Está ficando bem desconfortável aqui e eu preciso de verdade ir ao banheiro”, continuou Murray tirando sarro das ameaças.

Além da equipe, o redator do Kotaku, Jason Schreier, que trouxe a notícia do atraso em primeira mão no meio da semana, ainda como rumor, também recebeu ameaças de morte. Uma delas ele divulgou, e este é o porquê de não devermos levar a sério este tipo de gente.

As férias estão chegando pessoal, época de empinar pipa e tudo mais. Saiam da internet por favor.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade