Criador de PUBG não está nada feliz com os clones de Battlegrounds

PlayerUnknown’s Battlegrounds é um sucesso estrondoso, e, como era possível imaginar, uma série de outras companhias estão tentando conseguir uma fatia do bolo dos Battle Royale lançando as suas versões do jogo, e Brendam PlayerUnknown Greene não está nada feliz com isso.

Segundo ele, os jogos deveriam ter alguma forma de proteção contra esse tipo de cópias, e apesar de não ter citado nenhum nome, ele disse que quer que outras companhias venham com ideias originais para o gênero, e não que apenas copiem o que a BlueHole fez.

“Nos filmes e na música há proteções de direitos autorais que você pode confiar após publicar o seu trabalho. Nos jogos isso ainda não existe, e é algo que deveríamos implementar”, disse ele ao programa de games da BBC Radio 1.

O criador de Battlegrounds ainda disse que é triste como grandes produtoras às vezes pegam ideias de estúdios pequenos e chamam essa ideia de original deles, porque eles podem fazer essas ideias ficarem populares rapidamente gastando em marketing, algo que um time pequeno não consegue.

“Para um gênero crescer, você precisa de ideias novas e originais, se há apenas cópias, o gênero não cresce e as pessoas ficam entediadas”.

Apesar de não vermos muitos clones de PUBG aqui no ocidente, a China está lotada deles, seja no PC, seja em smartphones, ainda que Greene já tenha se mostrado bastante descontente com a Epic Games, por exemplo, por causa de Fortnite Battle Royale.

PlayerUnknown’s Battlegrouns está disponível para PC e Xbox One.

Eric Arraché

Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade