Apple retira jogo de plantação e cultivo de maconha da App Store

A Apple resolveu tirar da App Store o jogo Weed Firm, onde os jogadores tinham o objetivo de plantar, cultivar e vender maconha, se tornando o maior vendedor na cidade.

O personagem principal era Ted Growing, um botânico expulso da faculdade que começa a cultivar e vender maconha por aí, completando objetivos para abrir mais prateleiras na loja e lida com clientes e policiais. A Manitoba Games, desenvolvedora do jogo, acredita que a popularidade chamou a atenção da Apple para o título.

“Achamos que o problema foi que o jogo era simplesmente muito bom e estava em primeiro lugar em Todas as Categorias, já que existe um grande número de aplicativos relacionados à maconha ainda disponíveis, além de outros jogos que promovem atividades ilegais, como atirar em pessoas, bater carros e jogar pássaros em prédios”.

A Manitoba pretende lançar o jogo novamente, dessa vez numa versão censurada, que irá ficar nos conformes estabelecidos pela Apple. De fato, existem milhares de outros apps com temas similares. O jogo também foi retirado da Play Store, mas por um problema com o publisher do jogo. Assim que esse problema for resolvido, Weed Firm deverá retornar ao catálogo de jogos.

O estúdio também disse que o jogo vai ser classificado para adultos, para evitar que crianças tenham acesso ao título e por acreditar que os adultos devem ter a liberdade de fazerem o que eles querem “desde que não machuquem ninguém no processo”.

Publicado por
Tags: Weed Firm

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade