Categorias: Games

Activision Blizzard lucrou mais de US$ 4 bilhões com microtransações

Por mais que grande parte da comunidade sempre tenha um pé atrás quando o assunto é microtransações, a estratégia de comercializar itens dentro do jogo já é mais lucrativo para Activision Blizzard que a venda bruta dos seus games.

No relatório financeiro da Activision Blizzard referente aos quarto trimestre de 2017, a empresa reportou que obteve no último ano fiscal uma receita de US$ 7,16 bilhões, que representa um recorde em arrecadação para a companhia.

Desse total, US $ 4 bilhões foram arrecadados somente com compras dentro dos seus jogos. Metade desse valor veio de dispositivos móveis, já que a Activision também é dona da King, empresa responsável por criar Candy Crush e outros jogos para smartphones. Mesmo assim, se tirarmos a parte da King, ainda sobra US$ 2 bilhões que vieram dos seus diversos jogos no PC e nos consoles.

É quase uma regra que todos os games da Activision têm algum tipo de microtransação. Em Call of Duty: WWII você pode comprar Call of Duty Points para desbloquear itens cosméticos. Já em Overwatch os jogadores podem comprar loot boxes para obter skins e sprays. Até mesmo em World of Warcraft que você já paga uma mensalidade é possível comprar diversos mascotes e montarias.

Então, se depender dos lucros, essa é uma tendência que ainda veremos muito nos jogos.

Este website utiliza cookies