Categorias: Games

28 anos depois, Mike Tyson descobre quem é M. Bison, de Street Fighter 2

Street Fighter 2 é um dos mais revolucionários e marcantes jogos de luta de todos os tempos, e quem cresceu na época em que o jogo era o rei do mundo da pancadaria provavelmente se lembra da história de que a Capcom teria trocado certos nomes dos personagens para evitar um possível processo de ninguém menos que Mike Tyson.

Mas você sabia que ele não fazia ideia dessa história até recentemente?

De acordo com o Kotaku, num programa recente da ESPN, o antigo campeão mundial dos pesos pesados foi questionado se ele conhecia a história do personagem. Tyson respondeu prontamente que nunca havia ouvido falar desta história, algo no mínimo curioso.

Caso você nunca tenha ouvido falar sobre esta anedota, o que a Capcom fez foi basicamente trocar os nomes de três dos quatro chefes finais do jogo, M. Bison, Vega e Balrog entre si quando lançou o jogo nos EUA.

Na versão japonesa, o pugilista negro dos EUA chamava-se M. Bison, o ninja espanhol chamava-se Balrog e o chefão final chamava-se Vega. Como M Bison poderia ser confundido com M. Tyson, ou assim o pessoal da Capcom acabou achando, eles decidiram transformar o pugilista em Balrog, o ninja em Vega e o chefe final em M. Bison.

Curiosamente, em abril deste ano, Tyson foi questionado sobre a mesma história num podcast, onde ele teria chamado o pessoal da Capcom de “dirty motherfuckers” após descobrir que o personagem era semelhante a ele, mas vai ver ele esqueceu da história.

Seja como for, talvez tenha sido uma boa a Capcom ter mudado de nome no final das contas, afinal, imagine o processo milionário que eles poderiam ter levado por causa do nome do personagem, não é mesmo?

Este website utiliza cookies