Será que vai? Reboot dos filmes de Resident Evil pode se transformar em uma série

Hoje em dia é difícil saber o que é mais conhecido, se os filmes ou os jogos de Resident Evil.

Embora os fãs dos games, em sua grande maioria, detestem os filmes por eles fugirem do conceito dos games e por relegar os personagens clássicos à papéis de coadjuvantes perante Alice, a saga cinematográfica de Paul Anderson, estrelada por Milla Jovovich ajudou a popularizar ainda mais o nome Resident Evil.

Os filmes tiveram seu capítulo final em 2017, com um desfecho digno de Alice: com muitas lutas coreografadas, explosões, falta de sentido no roteiro e muitas cenas em câmera lenta. Recentemente notícias apontavam para o reboot dos filmes no cinema, inclusive com a direção ficando à cargo de James Wan, que foi responsável pela direção de filmes de terror como Annabele, Invocação do Mal e alguns dos capítulos da saga Jogos Mortais.

Mas, pode ser que tudo mude, e essas mudanças podem levar a uma série de TV, algo que já inclusive teve diversos rumores. O diretor da Constantin Film, Martin Moszkowicz respondeu algumas perguntas envolvendo o reboot, e disse que a empresa ainda está trabalhando na parte criativa dele, e ao ser questionado sobre uma série para a TV ele disse:

“Para nós o principal é fazer tudo certo e de forma criativa para que as pessoas não pensem que é mais do mesmo. É isso que está em jogo atualmente, uma abordagem nova e fresca.”

Não é a primeira vez que os fãs de Resident Evil se deparam com a possibilidade de uma série da franquia. Chegou a circular inclusive um rumor envolvendo a Netflix e uma série de nome Arklay, que traria a história de Resident Evil mais próxima a dos jogos do que a dos filmes. No fim, isso não passou de um rumor e não houveram mais notícias referentes à isso.

O que se sabe ao certo, é que o reboot de Resident Evil, seja nos cinemas ou como série de TV, não contará com a presença de Milla Jovovich e nem de Paul Anderson, o que pode ser considerado algo excelente principalmente para os fãs dos jogos.

Apesar disso, vale lembrar que os seis filmes da franquia arrecadaram cerca de U$ 1.2 bilhão no cinema, tornando esta uma das franquias mais bem sucedidas do cinema de ação.

Ceraldi

UX & UI Manager, Ceraldi se dedica (menos do que gostaria) ao Critical Hits e tentar cumprir seu papel de pai de família em meio à gatos, bacon, video games, séries, MCU, futebol e NBA.