Confira os principais Easter Eggs e referências de Marvel – Punho de Ferro

Marvel- Punho de Ferro estreou na Netflix neste fim de semana e, como sempre, trouxe diversas referências tiradas diretamente dos quadrinhos e vários easter eggs para os fãs de longa data do artista marcial terem aquele estalo na mente e aqueles que não acompanham a história do herói ficarem com a pulga atrás da orelha pensando se aquilo era um easter egg ou não.

Separamos as principais referências da série, que conecta o “universo” de Danny Rand com cada um dos outros três Defensores e vai muito mais além. Você conseguiu pegar todos?

Atenção: Spoilers da série a seguir.

Filha do Dragão

Quando a grana das aulas no dojo não é suficiente, Colleen Wing vai buscar seu sustendo nos ringues de luta enfrentando oponentes com o dobro do seu tamanho e peso. O codinome que ela escolhe? “Filha do Dragão”. Não sabemos o porquê, talvez ela tivesse inventado qualquer coisa na hora, certo? Errado.

Daughters of Dragon, ou Filhas do Dragão, é um codinome que a Serpente de Aço, vilão dos vigilantes de Hell’s Kitchen, atribui à dupla formada por ninguém menos do que Colleen Wing e Misty Knight. As personagens são amigas nos quadrinhos e seria bacana ver a parceria se repetindo no futuro, principalmente pelo fato das duas terem sido um dos pontos mais altos das séries em que participaram.

A jaqueta branca usada por Colleen na luta, aliás, também vem direto dos quadrinhos. Talvez essa seja a referência mais simples de pegar.

Meus adesivos ainda estão aqui!

Ao entrar pela primeira vez na sala de seu pai, Danny Rand corre para baixo da mesa como uma criança – e graças ao bom Deus não tivemos mais um flashback nessa parte – só para descobrir que eles ainda estavam ali. Os adesivos que ele colara quando era mais novo. Os adesivos não estão ali por acaso, eles são uma homenagem dos criadores da série a uma das maiores lendas dos quadrinhos: Jack Kirby.

Os adesivos retratam criaturas estranhas e monstros grotescos que fazem parte do Universo Marvel nos quadrinhos e foram criados pelo próprio Kirby há muito tempo. Os mais facilmente reconhecíveis são Orrgo the Unconquerable, um “deus do espaço” que apareceu pela primeira vez em Strange Tales #90 em 1951; e Mangog, monstro formado pelas bilhões de almas daqueles que tentaram invadir Asgard e foram massacradas por Odin, apareceu em 1968 em Thor #154 pela primeira vez.

Zhou Cheng, mestre do “Punho Bêbado”

Um dos personagens mais marcantes da série, Zhou Cheng não é uma versão mais nova do Chin Gentsai do The King of Fighters como eu já ouvi gente falando por aí. Apesar da garrafinha característica e de compartilhar o mesmo estilo de luta, o mestre do “punho bêbado” aqui saiu direto das revistas do Punho de Ferro.

Nos quadrinhos Cheng tem um papel muito mais importante – embora bem menos legal do que lutar bêbado – sendo ele sempre enviado para matar aquele que leva o manto do Punho de Ferro em seu 33º aniversário. Danny está longe disso e só o que pudemos ver foi Cheng sendo rebaixado a porteiro. Foi uma das melhores lutas envolvendo Danny Rand, aliás.

Karen fora da primeira página?

Ward tenta sabotar Danny chamando uma jornalista até as Indústrias Rand para expor o erro inaceitável do protagonista ao fazer remédios serem vendidos a preço de custo. A jornalista, porém, não parte do mesmo ponto de vista que Ward e publica a notícia colocando Danny como empresário herói. Antes disso ela liga para seu chefe Ellison – Mitchell Ellison do New York Bulletin – e diz que tem uma história que tirará Karen da primeira página.

Karen é a mesma Karen Paige de Demolidor, que continuou trabalhando no jornal após descobrir que Matt Murdock é o Homem sem Medo – parece que está tudo bem praquelas bandas de Hell’s Kitchen. Mais tarde, a própria Karen publica uma matéria exclusiva dizendo que as Indústrias Rand fechariam a fábrica que tem causado problemas às pessoas, notícia que veio direto da boca de Danny.

Dogs of Hell

Os Dogs of Hell também são mencionados em Punho de Ferro. O grupo apareceu pela primeira vez em Agents of S.H.I.E.L.D., mas você provavelmente só de lembra da participação deles na segunda temporada de Demolidor – pelo menos deveria.

Após ter seu clube de motociclistas destruído por Frank Castle, os Dogs of Hell nos proporcionam aquela belíssima cena de ação filmada em um único take no corredor/escadas contra o Demolidor – que usa correntes à la Scorpion.

Davos “Serpente de Aço”

Davos primeiro é mencionado por Danny como um amigo de infância, depois aparece para ajudar o Punho de Ferro a derrotar o Tentáculo e voltar para K’un Lun, mas no fim acaba revelando toda sua inveja e ódio contra Danny Rand. Por ser filho de Lei-Kung, Davos achava ser o escolhido para vestir o manto do Punho de Ferro, mas ao invés disso viu um forasteiro tomar seu lugar “de direito” e ainda fugir com o prêmio.

No último episódio fica claro que Davos será um vilão. Mas não um vilão qualquer. Se a série seguir o mesmo caminho dos quadrinhos, Davos será ninguém menos do que o arqui-inimigo do Punho de Ferro, conhecido como Serpente de Aço. Ele leva no peito a mesma marca que vimos na heroína vendida por Madame Gao – que, ao que tudo indica, é quem usará o ódio de Davos a seu favor.

Enfermeira da noite

Outra referência fácil de pegar – pelo menos para quem assistiu Luke Cage – Claire Temple é a única persoagem além de Stan Lee que apareceu nas quatro série da Netflix. Nesta última, ela interliga sua cena final em Luke Cage, onde Clair encontra o flyer do Chikara Dojo e passa então a treinar com Colleen. É assim que a relação entre Colleen e Danny começa também.

Quando Danny finalmente encontra Claire treinando no dojo, podemos perceber que ela já tem certa intimidade com Colleen, ou seja, já está há certo tempo treinando com a futura heroína de aluguel.

Noiva das nove aranhas

Outra personagem que saiu direto dos quadrinhos, a Noiva das Nove Aranhas faz jus à sua versão original tanto em visual quanto em significância. Na série, ela é uma das armas de Madame Gao para vencer o Punho de Ferro em um duelo – e conseguiria, não fossem as intromissões de Lei-Kung.

Nos quadrinhos, Bride of Nine Spiders é um dos oponentes de Danny no torneio entre as sete capitais do paraíso que é realizado após ele voltar para K’un Lun. O único contra é a personagem não usar um enxame de aranhas contra seu oponente, mas vamos manter os pés no chão, agulhas já tá bom.

Uma boa investigadora

Joy e Ward são demitidos das Indústrias Rand e Joy reaparece pouco tempo depois com alguns podres bem pesados de cada um dos diretores da companhia. É claro que ela não fez nada sozinha e revela que contratou uma boa investigadora particular com ótimas habilidades e que sabe manter a boca fechada acerca dos segredos de seus clientes… desde que esteja sóbria.

É uma referência bem óbvia a Jessica Jones, para falar a verdade. É bom ver que todos os personagens estão fazendo algo enquanto as outras séries de desenrolam e possuem pequenos papéis dentro destas séries.

Você viu o Stan, né?

O close dura cerca de dois segundos, assim como todas as participações de Stan Lee nos filmes e séries da Marvel. Porém nas séries, a lenda dos quadrinhos faz participações diferentes das que faz no cinema, sendo que suas outras três aparições em séries da Netflix foram através de cartazes.

Por que esse velho tarado não dá as caras na Netflix? Esperamos que ele nos responda isso.

Listamos aqui apenas os principais easter eggs da série, ou aqueles que foram descobertos até agora. Há outros menores que ficaram de fora como Danny usando a camiseta furada de Luke Cage, as garras da Night Nurse, o codinome de Harold “Stein, Frank N.” que na ordem certa vira “Frank N Stein” famoso morto-vivo.

Encontrou algum outro easter egg importante?

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade