Categorias: Cinema e TV

Fãs acusam Os Simpsons de tratar o personagem Apu de forma pejorativa e com teor racista após o mais recente episódio da série

A Fox volta e meia arranja alguma polêmica por causa de The Simpsons, e o episódio desta semana foi mais um destes por causa de um conhecido personagem da série: o indiano Apu.

Como todo mundo já deve estar careca de saber, o personagem é dono de um mercadinho, algo que é considerado um esteriótipo negativo por uma parcela dos fãs, e que, em 2017 teve diversos pontos de vista levantados nesse sentid pelo comediante Hari Kondabolu, que lançou um documentário chamado “O problema com Apu”.

Segundo esse documentário, o personagem é um aglomerado de esteriótipos negativos, e a presença dele na série não é positiva. Hank Azaria, dublador americano do personagem (e que já foi premiado com um Emmy por causa da performance dele como Apu) respondeu dizendo que essa era uma situação chata, e que o documentário tinha pontos de vista válidos.

No episódio deste domingo, chamado “No Good Read Goes Unpunished” (nenhuma boa leitura fica sem punição), vemos Marge e Lisa tentando fazer um livro chamado The Princes in the Garden, que é inofensivo no ano 2018.

Durante esse processo criativo, os personagem quebram a quarta parede, quando Lisa se vira para a câmera e diz “Algo que começou décadas atrás e era aplaudido e tido como inofensivo agora é politicamente incorreto. O que você pode fazer a respeito?”.

A câmera então muda para uma foto de Apu ao lado da cama de Lisa, e a foto conta com o escrito “Não tenho uma vaca”. Marge então faz o seguinte comentário “Algumas coisas serão lidadas no futuro”, e Lisa completa “Se forem lidadas”.

Você pode conferir a cena toda, infelizmente sem legendas em inglês, abaixo:

Como era de se esperar, o episódio gerou bastante controvérsia após ser exibido, e um dos produtores da série, Al Jean, foi bombardeado no Twitter por causa da resposta de The Simpsons às críticas sobre o personagem carregar mensagens de teor racial negativas.

Além das pessoas criticando, também houveram pessoas aplaudindo a resposta da série, que não se curvou à opinião considerada atualmente como politicamente correta.

A Fox ainda não se pronunciou sobre o ocorrido.

Este website utiliza cookies