Cinema e TV

Chris Evans revela que chegou a recusar duas vezes o papel de Capitão América

Atualmente é praticamente impossível não ligar a imagem do Capitão América a Chris Evans. Depois de viver o herói por quase 10 anos, o ator está se despedindo do papel, mas com toda certeza deixará para sempre a sua marca no MCU.

No entanto, em uma recente entrevista ao The Hollywood Reporter, Evans afirmou que chegou a recusar o papel para interpretar o herói duas vezes, e só aceitou pela insistência de Kevin Feige.

Ainda no começo de 2010, a Marvel Studios estava começando a procurar um ator para viver o Capitão América, mas Chris Evans não estava inicialmente na lista, pois ele já tinha aparecido em dois filmes do Quarteto Fantástico como o Tocha-Humana.

Feige revela que o estúdio continua procurando, mas não encontrou ninguém com a personalidade de Evans, resolvendo então mudar um pouco a sua abordagem.

“Eu pensei, bem, Patrick Stewart interpretou Jean-Luc Picard e Charles Xavier. Harrison Ford interpretou Han Solo e Indiana Jones, quem se importa com isso?”

Foi então que Evans recebeu a primeira ligação, uma oferta para interpretar o herói por nove filmes, mas ele acabou recusando. Em seguida, o estúdio propôs um novo contrato para seis filmes, mas o ator também não aceitou. Para tentar fazê-lo mudar de ideia, a Marvel Studios, que tinha acabado de ser comprada pela Disney, convidou Evans para visitar as suas instalações.

“Você vê as imagens, os uniformes, e tudo é tão legal.b Mas eu acordei no dia seguinte acreditando que fiz bem em recusar a oferta duas vezes”, afirma o ator.

No entanto, a Marvel continuou insistindo, e depois de falar com alguns amigos próximos, um ex-professor, e de ter recebido um telefonema de Robert Downey Jr., Evans acabou aceitando o papel que marcaria para sempre a sua carreira.

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade