Ator de The Walking Dead confirma que o personagem dele viveu um romance gay na série

Embora a série de The Walking Dead não tenha adaptado o relacionamento amoroso vivido por Aaron e Jesus, que existe na história da HQ, os atores Ross Marquand e Tom Payne decidiram que os seus personagem realmente estavam se envolvendo durante o salto temporal que ocorreu após a desaparecimento de Rick Grimes.

A informação foi compartilhada pelo próprio Ross Marquand durante um painel na Comic-Con Paris (via Comicbook).

Confira abaixo a declaração:

“Eu acho que isso foi meio que mencionado até certo ponto. Tom Payne e eu discutimos sobre isso, e pensamos que eles provavelmente se envolveram romanticamente em algum momento durante o salto temporal de seis anos”, disse o ator.

“Nós não sabíamos exatamente como isso seria, mas meio que fizemos alusões a isso.. Decidimos que isso faria sentido pelos dois serem muito parecidos. E ambos são os recrutadores das suas respectivas comunidades, eles têm muito em comum.”

Marquand ainda afirma que a morte de Jesus e os assassinatos subsequentes de Enid (Katelyn Nacon) e Tara (Alanna Masterson) pelos Sussurradores destruíram o seu personagem.

“Quando ele perde Jesus no cemitério com os Sussurradores, acho que isso o destrói. Porque todo mundo com quem ele se aproxima, acaba morrendo horrivelmente. Mas esta é a série. Você adora assistir a todas as pesaso pensando: ‘Oh, aqui está algum esperança’ e depois ela morrem.”

A 10ª temporada de The Walking Dead estreou dia 6 de outubro, enquanto o seu novo derivado está planejado para sair apenas em 2020.

João Victor Albuquerque

Formado em Sistemas de Informação, que no final da faculdade resolveu se meter nesse mundo do jornalismo. Apaixonado por joguinhos, filmes, animes e sempre atrasado com as séries.

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade