Cinema e TV

4 detalhes da vida de Amelia Shepherd de Grey’s Anatomy que você não reparou

Amelia Shepherd é uma das personagens mais complexas de Grey’s Anatomy. Traumas, vícios e muito drama rondam toda a vida da médica. Sua entrada na trama da série contribuiu ainda mais para a emoção. Hoje, falamos sobre alguns detalhes da vida de Amelia que você talvez não tenha notado. Bora lá!

4 detalhes da vida de Amelia Shepherd de Grey’s Anatomy que você não reparou

Ela é multilíngue

Amelia pode falar alemão fluentemente. Esse detalhe surge quando Megan é levada a um hospital na Alemanha após ser encontrada no porão de uma casa abandonada. Amelia liga para o hospital e conversa com a recepcionista em alemão. Ela pede por Teddy que havia se mudado para a Alemanha e agora estava trabalhando no hospital. Teddy promete a Amelia que Megan será transferida para Gray Sloan.

Amelia também sabe um pouco de francês. Assim que ela acorda de sua cirurgia na 14ª temporada, ela começa a falar francês em vez de inglês, para a surpresa de seus colegas. Meredith conta que isso aconteceu porque todos na família de Derek aprenderam francês na pré-escola.

 

Sua taxa de sucesso na cirurgia

Amelia ficou bem deprimida quando descobriu o seu tumor. Ela também começa a se perguntar se as pessoas que disseram que ela era louca estavam certas o tempo todo. Ela pensa que talvez o tumor a tenha deixado louca.

Dr. Richard Webber a puxa de lado e lhe dá uma palavra de encorajamento. Ele diz a ela que verificou seus arquivos e desde que ela veio para Gray Sloan, apenas 0,9% de seus pacientes morreram. Ele acrescenta que a taxa de sucesso dela é ainda melhor do que a de seu irmão Derek, já que 1,3% de seus pacientes morreram após a cirurgia.

Se livrou de uma fobia

Durante uma de suas cirurgias, Amélia se solidariza com uma paciente e se lembra de como já teve Ligirofobia. Ela desenvolveu a condição quando criança, depois que seu pai foi baleado por dois ladrões por se recusar a dar-lhes um relógio. O som da arma a deixou com medo de todos os barulhos altos.

Ela finalmente superou sua Ligirofobia comprando centenas de fogos de artifício e acionando-os até se acostumar com o barulho. Depois desse exercício, sons altos nunca mais a incomodaram.

 

Ela tem uma maneira especial de tomar decisões

Owen e Amelia decidem ficar esperando na escola de Betty depois de deixá-la na 15ª temporada. Isso porque Amelia está preocupada que a garota seja igual a ela quando era mais jovem. Isso porque Amelia fugia da escola para se drogar.

Owen sugere que eles devem ir embora, mas Amelia insiste que sua cartomante havia dito que era importante eles ficarem por perto. Ela também conta a Owen que confiou em uma cartomante para tomar decisões importantes na vida, incluindo qual faculdade estudar.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade