Anime

Relembre esta cena de Naruto Clássico que precisou ser censurada no anime

Apesar de ser uma série cheia de lutas e pancadaria, Naruto não é uma daquelas séries de violência extrema não recomendada para crianças mais jovens. Contudo, para continuar assim uma certa cena precisou ser censurada no anime.

A cena em questão aconteceu durante o Exame Chunin durante uma luta de Shino Aburame. Apesar de seu desfecho ser bem diferente entre as versões do mangá e do anime, ela ainda continua impressionante.

Shino enfrentava Zaku Abumi, da Aldeia do Som, cujo objetivo era matar Sasuke a todo custo. Shino então precisava parar seu oponente, mesmo que isso implicasse em utilizar técnicas mais “destrutivas”.

E é ai que vem a grande cereja do bolo. No mangá, Shino utiliza seus insetos para entupir a saída de ar nos braços de Zaku, impedindo-o de utilizar sua técnica especial e literalmente explodindo seus braços violentamente.

A cena é bem clara em mostrar os membros de Zaku separando-se do corpo. Algo que realmente chama atenção numa obra como Naruto.

No anime, as coisas foram levemente alteradas para que a cena pudesse ser veiculada no horário nobre da TV japonesa. Na animação, ao invés de explodir os braços do oponente brutalmente, os insetos de Shino causaram uma explosão “mais leve”, que culminou somente em ferimentos superficiais.

Confira também:

Naruto Shippuden foi exibido entre os anos de 2007 e 2017 e contando a segunda fase do anime. Nela, Naruto retorna após dois anos de treinamento com a missão de combater a Akatsuki e então resgatar Sasuke das garras de Orochimaru.

Ao todo, o anime tem 500 episódios (incluindo os fillers de Naruto Shippuden), e finaliza a história de Naruto, Sasuke, Sakura e Kakashi. Além disso, o anime prepara o terreno para a continuação direta da história.

Você pode acompanhar Naruto na íntegra no Crunchyroll. Além dele, o serviço conta com com Naruto clássico e Boruto: Naruto Next Generations, sua continuação direta.

Acesse o site por este link e então ganhe 14 dias de premium gratuitos em uma nova conta.

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade