Anime

Professor batiza nova espécie de besouro em homenagem à Pokémon!

Que Pokémon é um fenômeno mundial que influenciou, influencia e continuará influenciando muitas gerações, ninguém duvida. Mas imagine você ser capaz de criar uma série tão marcante, capaz de ser utilizada como inspiração para batizar espécies reais de animais em geral!

Não é a primeira vez que alguém batiza uma nova espécie de alguma coisa utilizando Pokémon como referência. Mas o trabalho dos professores da Eastern New Mexico University deixa qualquer fã da primeira geração com o coração quentinho!

Os Pesquisadores Dr. Darren Pollock e Yun Hsiao publicaram um trabalho acadêmico onde relatam a descoberta de uma nova espécie de “besouro australiano”. Depois de analisar as espécimes, a dupla resolveu batiza-los como Binburrum articuno, Binburrum zapdos, e Binburrum moltres em referência ao primeiro trio lendário de Pokémon!

Mas e como eu posso diferenciar um do outro? Você deve estar se perguntando. Então, é muito mais simples do que você imagina: Articuno é o mais a esquerda, com corpo mais prateado. Moltres é o do meio, com o corpo divido entre um amarelo brilhante e preto mais acentuado. Já Zapdos é o da ponta direita, com asas negras e phothorax dourado!

Ou seja, apesar de algumas pequenas distinções, as variações destas três espécimes de besouro australiano parecem se encaixar perfeitamente aos nomes dos Pokémons Lendários da Primeira Geração. Só vamos torcer para que isso não faça os fãs da série começarem à caça-los por ai!

Confira também:

O anime de Pokémon é dividido em séries cronologicamente sequenciais no Japão, cada uma delas retratando uma das gerações de monstrinhos do jogo.

No anime, acompanhamos as aventuras de Ash, que tem o sonho de se tornar o melhor treinador de Pokémon de todos os tempos, Pikachu, o fiel amigo dele, e seus companheiros.

Ao todo, o anime conta com mais de 23 temporadas, e pode ser assistido na Netflix.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade