InícioAnimeEsse é o verdadeiro motivo pelo qual Jiraiya não levou Nagato, Konan...

Esse é o verdadeiro motivo pelo qual Jiraiya não levou Nagato, Konan e Yahiko de volta para Konoha em Naruto Shippuden

Jiraiya sempre foi um dos ninjas mais fortes de Naruto, e também responsável por uma geração de ninjas super fortes que ele treinou, como Minato e os três ninjas da Akatsuki, Nagato, Konan e Yahiko, além do próprio Naruto é claro.

No arco do Pain, conhecemos a história de como Jiraiya treinou os três e depois decidiu deixá-los para seguir suas andanças no mundo, mas você já parou para pensar por que ele teria feito aquilo se ele achava que já havia encontrado a tal criança da profecia que os sapos haviam dado para ele? Hoje trazemos o motivo.

Antes de mais nada, falemos sobre o treinamento dos três. Eles eram órfãos e Jiraiya um soldado da Vila da Folha. Não faz nenhum sentido que Jiraiya tenha abandonado a guerra para ficar dois anos treinando eles, não é mesmo? Ele devia responder à Folha e continuar ajudando eles na guerra, mas não foi isso o que ele fez.

Hoje, vamos falar sobre uma teoria bem interessante que explica o porque de Jiraiya não ter feito isso.

Como Jiraiya era um soldado, ele teria que retornar para Konoha eventualmente. Então, ele tentou garantir que Nagato e os outros pudessem sobreviver por conta própria.

Outra razão pela qual Jiraiya não levou Nagato consigo até Konoha foi medo da vila transformá-lo numa arma e quebrar completamente o equilíbrio de forças entre as vilas ocultas ninja.

Sabemos o quão poderoso é o Rinnegan, e nas mãos erradas, como as de Danzou, isso acabaria acontecendo certamente. Logo, Jiraiya decidiu que era melhor para Nagato viver escondido, forjar seu próprio caminho enquanto Jiraiya acreditava que a profecia se tornaria realidade.

Acabou que não foi a melhor decisão do mundo, afinal, deu no que deu no arco de Pain.

O que vocês acham desse motivo? Faz bastante sentido, não é mesmo?

Eric Arraché
Eric Arrachéhttp://criticalhits.com.br
Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.