Black Clover – Episódios filler e canônicos do anime

Black Clover, como a maioria dos animes, é composto de episódios filler e episódios canônicos em seu anime.

Por ser um anime contínuo, entretanto, e só ter ganho um breve hiato por causa da pandemia do Covid 19, a produção acaba sendo sujeita a fillers, mas até o momento a quantidade deles é bem baixa.

De quantos fillers estamos falando? Até aqui apenas 7% dos episódios foram classificados como filler, ou seja 10 dos 149 capítulos exibidos até hoje.

No post de hoje, trazemos uma lista completa do que é filler e do que é canônico em Black Clover.

Episódios canônicos do mangá de Black Clover

1, 4-7, 10-12, 14-28, 31-54, 57-65, 67, 70-81, 83-101, 103-122, 126-129, 158-atual

Episódios que misturam histórias canônicas e filler de Black Clover

2, 8-9, 30, 69, 102

Episódios canônicos exclusivos do anime de Black Clover

3, 13, 55-56, 130, 132-133, 136-141, 149-157

Episódios filler de Black Clover

29, 66, 68, 82, 123-125, 131, 134-135, 142-148

Como podemos conferir, Black Clover conta com uma grande quantidade de episódios canônicos e poucos filler.

Estes episódios canônicos inclusive englobam um arco completamente original que está sendo supervisionado por Yuki Tabata para que o anime não encoste no mangá.

Black Clover conta a história de Asta, um garoto que nasceu num mundo onde a magia é tudo. Asta sonha em ser o Rei Mago, o líder supremo dos magos do seu país, mas tem um pequeno problema: ele não tem nenhuma aptidão para a magia, enquanto que Yuno, o melhor amigo dele, é simplesmente um gênio na magia.

Asta acaba ganhando o poder da Anti-Magia, e agora vai provar a todos que com força de vontade e determinação ele conseguirá alcançar o sonho dele.

Black Clover é exibido semanalmente no Japão, e pode ser acompanhado no Crunchyroll tanto em versão dublada quanto no seu idioma original.

Acesse o site por este link e então ganhe 14 dias de premium gratuitos em uma nova conta.

Eric Arraché

Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade