Categorias: Games

Segundo Iwata, o problema do Wii U não é o preço dele

Satoru Iwata, presidente da Nintendo America, em entrevista à CVG, disse que o principal problema do Wii U não é o preço e sim a falta de software para ele.

“Se o preço realmente fosse um problema, o modelo básico do console teria vendido bem mais do que o Premium e não é isso o que tem acontecido.”

Como vocês devem saber, o console básico do Wii U mal tem sido aceito por varejistas nos EUA. Mesmo custando cerca de 100 dólares a menos, o console que realmente tem vendido é o Premium.

Iwata enfatizou que o console precisa de uma biblioteca forte de software e disse que a única solução para isso é a Nintendo publicar jogos que tenham apelo às massas. A Nintendo vendeu cerca de 160 mil Wii U no último trimestre.

O que vocês acharam da declaração de Iwata? Eu acho que o preço é só metade do problema. É claro que o console precisa de mais software de qualidade, mas a US$ 350,00, vale bem mais a pena comprar um PS3 ou um Xbox 360. Ou colocar mais 50 dólares e comprar um PS4 quando ele for lançado.

O console precisa vender mais para as empresas se animarem a fazer software de qualidade para ele, que vai vender mais consoles e assim atrair mais empresas para fazer jogos de qualidade… Ou seja, é um ciclo. Ele tem que começar de algum lugar e é isso o que a Nintendo está tentando fazer com anúncios como Super Smash Bros e o remake de The Legend of Zelda: A Wind Waker. Vamos ver se isso vai ser o suficiente.

Este website utiliza cookies